Teste de publicidades

OBRAS IMPORTANTES DA COMPESA SÃO VISTORIADAS NO SERTÃO E AGRESTE

OBRAS IMPORTANTES DA COMPESA SÃO VISTORIADAS NO SERTÃO E AGRESTE

Cumprindo agenda no Sertão, nesta terça-feira (27), a presidente da Compesa, Manuela Marinho, acompanhada dos diretores Flávio Figueiredo e Mário Heitor, vistoriou a perfuração e os testes das baterias de poços do Sistema Adutor de Tupanatinga. A obra, no valor de R$ 26 milhões, integra o Sistema Adutor do Agreste e levará água para mais de 215 mil pessoas dos municípios de Buíque, Pedra, Venturosa, Tupanatinga, Itaíba, Águas Belas e Iati. A comitiva conferiu de perto as intervenções acompanhada do deputado estadual Marcantonio Dourado Filho, pela liderança política Marcantonio Dourado e pelos prefeitos das cidades de Buíque, Tupanatinga e Águas Belas: Arquimedes Valença, Sílvio Roque e Luiz Aroldo, respectivamente.

A agenda da manhã na região incluiu, ainda, visita à sede municipal de Águas Belas, e seguiu, à tarde, com visita institucional à prefeitura de Garanhuns  e vistoria às obras do Sistema de Abastecimento de Água (SAA) do município. A obra consiste na melhoria do sistema de abastecimento do bairro Jardim Petrópolis, com implantação de  nova rede de distribuição, beneficiando 1 mil pessoas com água todos os dias nas torneiras. Hoje, essa população  é abastecida no regime de três dias com água para três dias sem. Uma primeira etapa da obra tem previsão de conclusão em junho desse ano, mas o projeto completo será concluído em dezembro de 2022. O investimento é de R$ 2,1 milhões.

A presidente da Companhia, Manuela Marinho, destaca os investimentos na região. “Com a obra do SAA de Garanhuns vamos ampliar em 30% a extensão da rede de distribuição da cidade, além da modernizar os equipamentos de controle e medição de vazão e pressão, permitindo monitoramento das perdas de água. Atualmente, 95% do município já conta com abastecimento ininterrupto e temos a expectativa com a obra de ofertar água de maneira contínua também às áreas periféricas. Já o empreendimento dos poços de Tupanatinga levará segurança hídrica a municípios da região que sofrem com ciclos de seca severa”, pontua Manuela.

Ontem, a agenda no interior iniciou no Agreste, com visita às obras da Adutora de Serro Azul, no trecho entre os municípios de Bonito e Camocim de São Félix. A presidente, Manuela Marinho, acompanhada de equipe técnica da Compesa, vistoriou a implantação da adutora acompanhada pelo prefeito da cidade, Gustavo Adolfo, e do deputado estadual Clodoaldo Magalhães. O novo sistema adutor, orçado em aproximadamente R$ 80 milhões, terá capacidade de transportar 500 litros por segundo de água até o ponto de interligação com a Adutora do Agreste entre os municípios de de Caruaru e Bezerros, beneficiando 1 milhão de pessoas. A agenda continuou em Belo Jardim, com vistoria da implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) do município com presença da liderança política local João Mendonça e do deputado estadual Diogo Moraes. O SES Belo Jardim conta com o investimento de R$ 58 milhões para levar mais saúde e qualidade de vida a 28 mil pessoas.

Na sequência, foi a vez de uma visita técnica às instalações do primeiro Sistema Integrado de Gestão do Saneamento Rural (Sisar) em Pernambuco, localizado na Gerência da Compesa de Arcoverde, no Sertão do Moxotó. Como anunciado na semana passada pelo governador Paulo Câmara e pela secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos, Fernandha Batista, a Compesa será uma incubadora do projeto, que visa garantir o permanente funcionamento dos sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, beneficiando 30 mil habitantes da zona rural dos municípios de Arcoverde, Buíque, Custódia, Ibimirim, Itaíba, Manari, Pedra, Sertânia, Tupanatinga e Venturosa.

 


João Campos anuncia vacinação contra a covid-19 para trabalhadores da educação do Recife

João Campos anuncia vacinação contra a covid-19 para trabalhadores da educação do Recife

Os trabalhadores a partir de 40 anos que atuam em instituições de ensino básico da capital pernambucana já vão poder agendar a vacina a partir das 18h desta quarta-feira (28)


 

Os trabalhadores com 40 anos ou mais que atuam em instituições da educação do ensino básico públicas da rede municipal, estadual e federal e também da rede privada do Recife poderão tomar a vacina contra covid-19 a partir desta quinta-feira (29). O agendamento da vacinação deste novo grupo estará disponível a partir das 18h desta quarta-feira (28), através do Conecta Recife. O anúncio foi feito pelo prefeito João Campos, na noite desta terça-feira (27).


 

“Com as últimas remessas de AstraZeneca que chegaram à cidade, é possível abrir para um novo grupo. Então, a partir de amanhã, às 18h, estará disponível para fazer o agendamento os trabalhadores e trabalhadoras da educação básica do Recife, do ensino municipal, estadual, federal e também da rede privada. As pessoas que têm 40 anos ou mais poderão fazer o agendamento”, explicou o prefeito. 

 

João Campos detalhou ainda como será feita a validação dos trabalhadores. “A Secretaria de Educação do Recife está enviando, para todas as instituições de ensino da educação básica da cidade, um modelo de declaração que a instituição vai dar para cada trabalhador e trabalhadora que atuem nessas instituições. Com isso, a gente faz um importante avanço colocando a educação como prioridade fundamental na cidade do Recife”, disse João Campos.


 

O cadastro e o agendamento devem ser feitos através do site www.conectarecife.recife.pe.gov.br ou do app Conecta Recife, disponível gratuitamente na PlayStore, para Android, e AppStore, para quem utiliza o sistema iOS. No ato da marcação, os trabalhadores devem anexar, e apresentar, no dia agendado para vacinação, uma declaração no modelo disponibilizado pela Secretaria e assinada pelo responsável indicado pela sua instituição. Até agora, mais de 455 mil doses já foram aplicadas no Recife, o que representa mais de 284 mil pessoas vacinadas. Desse total, mais de 167 mil pessoas já concluíram o esquema vacinal, tendo recebido as duas doses.


 

PONTOS DE VACINAÇÃO - A capital pernambucana tem 17 pontos de vacinação, entre salas e drive-thrus. Todos os locais funcionam das 7h30 às 18h30, de domingo a domingo. As salas de vacinação ficam na Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos; Parque de Exposição de Animais, no Cordeiro; na Unidade de Cuidados Integrais (UCIS) Guilherme Abath, no Hipódromo; Compaz Ariano Suassuna, no Cordeiro; Ginásio Geraldão, na Imbiribeira; e Centro de Saúde Sebastião Ivo Rabelo, no Ibura.


 

 

Já os drive-thrus, que permitem atendimento sem sair do veículo, estão localizados no Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), na Tamarineira; Parque de Exposição de Animais, no Cordeiro; Fórum Ministro Artur Marinho - Justiça Federal de Pernambuco (Avenida Recife), no Jiquiá; Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos; Juizados Especiais do Recife, na Imbiribeira; Parque da Macaxeira, na Macaxeira; Geraldão, na Imbiribeira; Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), na Cidade Universitária; Tribunal Regional Federal da 5ª Região, no Bairro do Recife; BIG Bompreço de Boa Viagem e BIG Bompreço de Casa Forte.

 

Foto: Rodolfo Loepert/PCR

 


PCR destina 300 cestas básicas da campanha Aniversário Solidário a abrigos filantrópicos de idosos

PCR destina 300 cestas básicas da campanha Aniversário Solidário a abrigos filantrópicos de idosos

Prefeito João Campos fez a primeira entrega de 60 cestas básicas no Centro Geriátrico Padre Venâncio na manhã desta terça (27). Campanha já arrecadou 129 toneladas de alimentos


 

Dando continuidade às medidas de combate aos impactos socioeconômico da pandemia do novo coronavírus, o prefeito João Campos esteve no Centro Geriátrico Padre Venâncio, localizado na Várzea, na manhã desta terça-feira (27). Na ocasião, ele entregou 60 cestas básicas arrecadadas pela campanha Aniversário Solidário, que já contabiliza mais 129 mil quilos de alimentos. Outras seis Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) filantrópicas receberão as doações, que somarão 300 cestas básicas distribuídas.

 

Além das instituições que atendem pessoas em situação de vulnerabilidade social, famílias acompanhadas pelos serviços da rede de Assistência Social do município e trabalhadores informais cadastrados pela Prefeitura também têm recebido as cestas com os mantimentos, e até o fim desta semana, o número total de cestas básicas entregues será de 9 mil.

 

“A gente está aqui no Centro Geriátrico Padre Venâncio, que fica no bairro da Várzea, e é administrado pela Santa Casa de Misericórdia, com Esmeralda e Angélica que representam a Santa Casa e fazem a administração do centro. São 38 idosas da nossa cidade que vivem aqui e aqui têm os seus cuidados. A gente veio fazer uma doação da campanha de arrecadação de alimentos que tem sido feita nos centros de vacinação da cidade, já são 129 toneladas arrecadadas”, contou João Campos.

 

“A gente faz a distribuição para aquelas entidades que prestam serviços na nossa cidade na área de assistência e de acolhimento para os públicos que mais precisam. Então hoje a gente vem aqui visitar o centro, fazer a doação e colocar a Prefeitura à disposição para dialogar e fazer parcerias com as instituições. Sobretudo num momento de crise como esse, a gente tem que unir esforços e buscar avançar e entregar uma melhor qualidade de vida para as pessoas. Queria aqui parabenizar vocês, parabenizar todos e todas que fazem o Centro Geriátrico Padre Venâncio”, completou ele.

 

Para Esmeralda Moura, gerente de Educação e Assistência da Santa Casa de Misericórdia, mantenedora do abrigo, a hora é de agradecer: “uma doação dessa, nesse momento, faz toda a diferença para nós porque contribui muito com a segurança alimentar de todas as idosas aqui. São seis refeições diárias. Esse momento também pressupõe a importância da solidariedade. Agradecemos a Prefeitura da Cidade do Recife nesse momento tão difícil”.

 

Já Angélica Pessoa, gestora do Centro Geriátrico Padre Venâncio, não escondeu a alegria ao receber a doação. “Eu gostaria de fazer os meus sinceros agradecimentos em nome do Centro Padre Venâncio e das mulheres idosas, nós aqui só acolhemos mulheres idosas. Vai ser dado um suporte nutricional muito grande aqui a elas, é um custo muito alto manter a nossa instituição e essa doação faz uma diferença enorme, ímpar”, comentou ela.

 

Iniciada em 12 de março, aos 484 anos de fundação da cidade do Recife, a campanha Aniversário Solidário tem o objetivo de arrecadar alimentos para pessoas em vulnerabilidade devido à pandemia. As doações podem ser feitas nos 11 drive-thru de vacinação, em dez supermercados da Rede Big localizados no Recife e ainda na sede da Prefeitura, no Bairro do Recife, ou no Compaz Ariano Suassuna, no Cordeiro (vide serviço). Empresas da iniciativa privada e entidades, como associações, ONGs e igrejas, que desejarem doar grandes volumes de alimentos, ou de cestas básicas prontas, deverão entrar em contato com o Transforma Recife, por meio do número 3355-3739. Conforme o andamento da arrecadação, da montagem e da aquisição de novas cestas, as equipes da PCR entram em contato com as famílias para agendar o dia da entrega.

 

PONTOS DE DOAÇÃO:

- Prefeitura do Recife. Avenida Cais do Apolo, 925, Bairro do Recife(das 9h às 12h e 14h às 16h, de segunda a sexta);

- Compaz Ariano Suassuna. Avenida General San Martin, 1208, Cordeiro (das 9h às 12h e 14h às 16h, de segunda a sexta);

- Big Bompreço Caxangá, Casa Forte, Avenida Recife, Boa Viagem (durante o horário de funcionamento);

- Bompreço Domingos Ferreira, Arruda, Aflitos, Benfica, Casa Amarela, Espinheiro (durante o horário de funcionamento);

 

-PONTOS DE VACINAÇÃO DRIVE-THRU E DE DOAÇÃO:

- Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), na Tamarineira;

- Parque de Exposição de Animais, no Cordeiro;

- Fórum Ministro Artur Marinho - Justiça Federal de Pernambuco (Avenida Recife), no Jiquiá;

- Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos;

- Juizados Especiais do Recife, na Imbiribeira;

- Parque da Macaxeira, na Macaxeira;

- Geraldão, na Imbiribeira;

- Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), na Cidade Universitária;

- Tribunal Regional Federal da 5ª Região, no Bairro do Recife;

- Big Bompreço Boa Viagem e Casa Forte.

 

PARA DOAR GRANDES VOLUMES: Empresas da iniciativa privada e as entidades que desejarem doar grandes volumes de alimentos ou de cestas básicas prontas deverão entrar em contato com o Transforma Recife, por meio do contato 3355-3739.

 

 

Fotos: Rodolfo Loepert/PCR

 


Jo√£o Campos acompanha obras do Programa Parceria em √°reas de morro da Zona Norte do Recife

Jo√£o Campos acompanha obras do Programa Parceria em √°reas de morro da Zona Norte do Recife

Prefeito fez a entrega de um muro de arrimo e vistoriou construção de encosta em andamento, ambas no Brejo da Guabiraba. Nos primeiros 4 meses do ano, Programa já entregou 46 obras e outras 263 estão em andamento

 

Joana Maria Gomes viveu os últimos 42 de seus 71 anos no alto de uma barreira localizada no bairro do Brejo da Guabiraba, na Zona Norte do Recife. Todos os anos, a chegada do inverno era acompanhada de medo e apreensão. Mas agora ela e os demais moradores do entorno da Rua Santa Brígida podem respirar aliviados. A localidade foi uma das beneficiadas pelo Programa Parceria, que garante mais segurança para moradores de áreas de morro da cidade. A obra, já finalizada, foi visitada pelo prefeito João Campos nesta segunda-feira (26).  

 
 

“A gente está aqui no Brejo da Guabiraba visitando mais uma ação entregue da prefeitura, uma obra do Programa Parceria que aqui beneficia as famílias. A gente pôde conversar com os moradores e assinar o termo de conclusão da obra e ver como é importante um trabalho de solidariedade, com a parceria com toda a comunidade”, defendeu João Campos. O prefeito reforçou que a ampliação do programa de parcerias é um compromisso da gestão. “Esta obra aqui está inaugurada, pronta. Uma ação como essa a gente vai levar para os quatro cantos do Recife, com a nossa Defesa Civil sempre ativa, atuante e salvando vidas.”


 

A intervenção em alvenaria armada teve investimento de mais de R$ 31 mil e faz parte da Ação Inverno 2021, que irá investir mais de R$ 96,6 milhões ações como contenção de encostas, prevenção e monitoramento em áreas de risco, limpeza de canais e colocação de lonas plásticas e eliminação de pontos de alagamento na cidade. Joana, que sonhava em ver a obra pronta, agora tem motivos para comemorar. “A casa estava bem na beirinha, pensei que quando chegasse o próximo inverno ela iria cair, mas Deus é bom demais e nos deu essa obra aqui, feita pelos moradores e pela prefeitura. Agora estou segura.”

 

 

 

 

 

Pedreiro e comerciante, José Eronildes, 59, foi quem botou a mão na massa para concluir as obras da Rua Santa Brígida. "É uma parceria que funciona. A prefeitura com o material, a gente com a mão de obra. Basta que as pessoas tenham vontade de fazer acontecer”, defende. 

 

 

RUA POJUCA - A intervenção não é a única nas imediações. Perto dali, na Rua Pojuca, os trabalhos com rip rap e alvenaria armada estão em andamento, ao custo de R$ 25 mil, garantindo vida mais segura para quatro famílias. Entre elas está a de Miriam da Silva, de 37 anos. “Essa barreira já caiu há uns dois anos, então a gente vivia com muito medo. Essa obra aqui vai trazer melhoria para a nossa vida”, comemorou a auxiliar administrativa. 


 

Com o Parceria, a Prefeitura fornece material, projeto, orientação técnica e acompanhamento social para intervenções em morros e áreas planas, e a população entra com a mão de obra. São obras de tratamento de eoncostas, como muros de contenção, escadarias, drenagem, acessos, calçadas, fossas e outros serviços que protegem milhares de famílias. Este ano, o programa já concluiu 46 obras, beneficiando 197 famílias, e estão em andamento outras 267, que garantirão mais segurança para 1134 famílias.

 

 

 

OUTRAS AÇÕES - Além do Programa Parceria, a Prefeitura do Recife investe também em obras de contenção definitiva de encostas por meio da Autarquia de Urbanização do Recife (URB). Estão em andamento 30 intervenções desse tipo na cidade, totalizando R$ 46,5 milhões em investimentos. O total inclui 13 obras iniciadas na atual gestão, no valor de R$ 21,5 milhões de reais, e 17 trabalhos do mesmo tipo que começaram em 2020, serão concluídos ainda este ano e receberam um aporte financeiro na ordem de R$ 25 milhões. Além disso, a atual gestão já entregou para a população sete contenções definitivas de encostas, frutos de um investimento de aproximadamente R$ 5 milhões.

 

 

Fotos: Rodolfo Loepert

 


João Campos anuncia contratação de mais 60 médicos para enfrentamento da covid-19 no Recife

A gestão já contratou mais de 1,2 mil profissionais da saúde para atuarem na vacinação e na rede de assistência

 

O esforço para salvar vidas no Recife ganhará reforço. O prefeito João Campos anunciou nesta sexta-feira (23) a contratação de 60 novos médicos para atuarem na linha de frente contra o novo coronavírus na capital pernambucana. A gestão já contratou mais de 1,2 mil profissionais da área da saúde somente para vacinação e o enfrentamento da covid-19.

 

“Vamos autorizar a contratação de 60 novos médicos para trabalhar no enfrentamento da pandemia na nossa cidade. Já são mais de mil e duzentos trabalhadores da saúde na vacinação e nos leitos abertos pela prefeitura e a gente vai autorizar mais esse incremento, tendo em vista que a nossa máxima e a nossa prioridade é salvar vidas”, disse o prefeito. “Não estamos medindo esforços, toda equipe unida para poder salvar vidas, a gente assina hoje e vai estar no Diário Oficial de amanhã para contratar ainda mais profissionais de saúde”, completou João Campos. 

 

A contratação se dará através de seleção simplificada, pelo período de até seis meses e para atuação nos serviços de pronto atendimento das policlínicas municipais. Ou seja, os profissionais vão atuar em locais onde há atendimento para pacientes com suspeita ou confirmação da covid-19.

 

Desde janeiro, a Prefeitura do Recife vem reforçando a rede de assistência para covid-19. Já foram abertos 400 novos leitos, dos quais 232 de terapia intensiva, para tratamento dos pacientes com síndrome respiratória aguda grave (srag). Os leitos de UTI, enfermaria, de observação e salas vermelhas estão distribuídos no Hospital Provisório Recife 1 (Aurora), Hospital da Mulher do Recife, Hospital da Pessoa Idosa, Hospital Evangélico e nas policlínicas municipais.

 

VACINAÇÃO - Até a última quinta-feira (22), o Recife já havia aplicado 423.702 doses de vacina contra a covid-19. Das 276.627 pessoas já vacinadas na capital pernambucana, 147.075 já receberam a segunda dose e completaram o esquema vacinal.

 

 

DOAÇÕES - A Prefeitura do Recife recebeu, nesta sexta-feira (23), a partir de uma articulação do Transforma Recife e do Movimento União BR, 50 bombas de infusão e 12 mil equipos, materiais utilizados em conjunto com as bombas. Os donativos serão repassados à Policlínica Agamenon Magalhães, que está abrindo 10 novos leitos para a Covid-19 e vai disponibilizar outros 10 nos próximos dias; e também à Maternidade Professor Barros Lima que terá cinco leitos em breve. Todos os 25 novos leitos são de sala vermelha.

 

 


Jo√£o Campos apresenta a√ß√Ķes do Recife em lan√ßamento da campanha Mudar o jogo - Agenda 2030 para vencer a covid-19

Jo√£o Campos apresenta a√ß√Ķes do Recife em lan√ßamento da campanha Mudar o jogo - Agenda 2030 para vencer a covid-19

Prefeito foi o único gestor das cidades brasileiras com assento no lançamento da campanha Mudar o Jogo - Agenda 2030 para vencer a covid-19. Ele falou sobre o Plano Recife 500 anos, Conecta Recife e Cred Pop Recife


Nesta sexta-feira (23), o prefeito João Campos participou, de forma virtual, do lançamento da campanha ‘Mudar o Jogo - Agenda 2030 para vencer a covid 19’, que visa fortalecer o combate à pandemia através da disseminação de informações via mídias sociais para o cumprimento e implantação da Agenda 2030, conjunto de medidas pactuadas por líderes mundiais em 2015 para cumprimento até 2030. Em sua apresentação, o gestor municipal, que também é vice-presidente para Mudanças Climáticas da Frente Nacional de Prefeitos, lembrou que a capital pernambucana conta com o  Plano Recife 500 anos, baseado nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS), e também apresentou ações da Prefeitura alinhadas a esses objetivos tais como o Parque Capibaribe, Conecta Recife, o Cred Pop Recife e outras.



"Quando a gente fala dos ODS e da Agenda 2030, a gente tem um conjunto de ações com o objetivo de enfrentar a desigualdade e para que a gente possa preservar o meio ambiente e construir soluções econômicas que enfrentem esses desafios. Então como a gente pode traduzir isso na agenda do dia a dia? O Recife construiu o Plano Recife 500 anos, em 2037 a nossa cidade completa 500 anos de idade, e esse plano foi conduzido pela Prefeitura com ampla participação social, ele tem como pilar da sua construção os ODS. Esse plano busca preparar o Recife para o futuro, gerando oportunidade para as pessoas", explicou João Campos na ocasião. 

 

"A gente também insere na nossa rotina ações que dialogam com os ODS como é o caso do Conecta Recife que é a nossa plataforma de transformação digital da cidade, onde conseguimos fazer um processo de vacinação 100% digital. Então o Recife foi a primeira capital do Brasil a poder fazer o agendamento da vacinação, com dia, local e horário definidos, evitando aglomeração, fila e transtornos para o cidadão", pontuou ele.

O prefeito do Recife falou também sobre o sucesso do Crédito Popular do Recife, o Cred POP Recife, que foi lançado no dia 30 de março e obteve a marca de efetivar 1.080 inscrições do pré-cadastro em apenas três horas. Com o programa, os micro e pequenos empreendedores da capital pernambucana podem ter acesso a linhas de crédito de até R$ 3 mil. Mulheres, jovens, negros e pessoas com deficiência são prioridades do Cred POP Recife e a meta da Prefeitura é realizar uma média de 10 mil operações de crédito por ano, totalizando 40 mil ao longo dos próximos quatro anos.

O projeto do Parque Capibaribe também foi mencionado pelo gestor municipal. Trata-se de um sistema de parques integrados no Recife que se estenderá por 30 km do percurso do Rio Capibaribe. Consiste na renaturalização das margens do rio e na implantação de um sistema de mobilidade com passeios e ciclovias, além de revelar paisagens locais com áreas de estar, passarelas e píeres para pequenas embarcações. Todo o projeto beneficiará mais de 500 mil pessoas e 44 bairros. Já foram implantados o Jardim do Baobá, nas Graças, e a Praça Otávio de Freitas, no Derby. No último dia 12 de março, foi iniciada a construção do coração do Parque Capibaribe - o Parque das Graças.



A campanha lançada nesta sexta é uma iniciativa do Grupo de Trabalho da Sociedade Civil para a Agenda 2030, em parceria com a Frente Parlamentar Mista de Apoio aos ODS e Rede ODS Brasil, com financiamento pela União Europeia. Seu principal objetivo é propagar cada vez mais o assunto para que a população conheça mais a temática e possa acompanhar e cobrar mais de perto seus líderes no cumprimento a esses desafios.



Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS) preveem 17 objetivos e 169 metas globais e, como pilares básicos, os ODS preveem a erradicação da pobreza extrema, o combate às desigualdades e injustiças sociais e a contenção de mudanças climáticas. Em plena pandemia, o cumprimento da agenda se torna ainda mais urgente para amparar a população mais vulnerável. Em um contexto de crise sanitária sem precedentes, fortalecer os direitos humanos, sociais e econômicos, dentre outros, pode contribuir para a mitigação dos efeitos da crise como o desemprego, a fome e a miséria.



Após a apresentação da campanha, feita pela representante do Grupo de Trabalho (GT) da Agenda 2030 / Gestos, Alessandra Nilo, ao lado do presidente da Frente Parlamentar Mista em apoio aos ODS, deputado Nilto Tatto (PT-SP) e do embaixador da União Europeia no Brasil, Ignácio Ibañez, o prefeito João Campos foi o responsável por abrir a rodada de debate da Agenda 2030.



Após a intervenção do prefeito,  houve falas também do deputado distrital Leandro Grass (REDE), da deputada Federal Erika Kokay (PT), da diretora do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS) no Brasil - Cláudia Velasquez, do representante do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) no Brasil - Astrid Bant e do diretor Adjunto da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS/OMS) – Jarbas Barbosa.



Dentro dos principais 17 ODS da agenda 2030, Recife já se destaca na implantação de diversas ações e políticas determinantes para o bem estar da população para o combate à fome, pobreza, o fomento à economia, a promoção de saúde, a educação inclusiva e a promoção de igualdade de gênero. Entre eles se destacam programas e políticas como ofertas de cursos profissionalizantes, Auxílio Municipal Emergencial (AME), Mãe Coruja, Academia das Cidades e Escola do Futuro, além das ações e projetos apresentadas por João Campos na ocasião.



Mudar o Jogo - Agenda 2030 para vencer a covid-19 - O objetivo é que cada influenciador/a possa, através dos seus canais nas redes sociais, estimular uma grande corrente do bem e ampliar o conhecimento da população sobre o tema, além de fomentar, junto às gestões municipais, a localização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), contribuindo para enfrentar a pandemia e suas consequências, assim como corrigir problemas socioeconômicos que facilitam seu agravamento no Brasil. A ideia é que as postagens sejam feitas pelas redes sociais preferidas de cada pessoa: Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn.

 



Para mais informações

 - https://gtagenda2030.org.br/campanhas/mudarojogo/

 

Fotos: Rodolfo Loepert/PCR

 


MANANCIAIS DA MATA NORTE SINALIZAM RECUPERA√á√ÉO COM O IN√ćCIO DO PER√ćODO CHUVOSO

Os mananciais da Mata Norte do Estado começam a dar os primeiros sinais de recuperação com o acumulado das últimas chuvas. A Compesa vem monitorando os reservatórios que formam o sistema de abastecimento dos municípios da região e tem boas perspectivas para iniciar a redução dos rodízios a partir de ajustes operacionais nos sistemas.

  

As chuvas permitiram que a Barragem Vundinha, localizada no município de Ferreiros e que estava em pré-colapso, alcançou 15% de acumulação. A barragem tem capacidade total de armazenamento de 90 mil metros cúbicos de água. O aumento das precipitações também elevou o volume total acumulado na Barragem Mucambo, que é de 120 mil metros cúbicos de água. O reservatório, também localizado na cidade de Ferreiros, registrava, no mês passado, volume de 60% de água acumulada e agora atingiu 70%. As duas barragens respondem pelo abastecimento do próprio município de Ferreiros e Camutanga.

 

Outra barragem que apresenta sinais de recuperação é Morojozinho, localizada no município de Buenos Aires. O reservatório entrou em colapso em fevereiro deste ano, mas com as chuvas da semana o nível de água registrado já é de 19,5%. A Barragem de Morojozinho atende o município de Nazaré da Mata, um dos mais impactados pela ausência de chuvas durante o verão.

 

A Compesa seguirá acompanhando diariamente o volume de chuvas acumulado nos principais mananciais da Mata Norte a fim de iniciar as intervenções necessárias para o retorno da captação de água nesses e em outros reservatórios da região, tão logo alcancem níveis adequados.


EQUIPAMENTOS PARA FILTRAGEM DA √ĀGUA DO NOVO DESSALINIZADOR DE NORONHA DESEMBARCAM NA ILHA

Foi desembarcada nesta segunda (19), em Fernando de Noronha, mais uma remessa de equipamentos para implantação do novo dessalinizador da ilha. São 12 filtros previstos no escopo do projeto que serão instalados no sistema para assegurar a qualidade da água ofertada. Os equipamentos atuam retendo partículas de até 50 micras, além de areia, cascalho e outros possíveis contaminantes da água do mar que podem comprometer o bom funcionamento do dessalinizador. 

 

Os equipamentos farão parte da unidade de pré-tratamento do novo sistema de dessalinização. São oito filtros que receberão a água bruta na primeira etapa de filtragem, e que atuarão em paralelo a outros quatro filtros utilizados para retenção de partículas na segunda etapa do processo de filtração. A montagem eletromecânica dos filtros está prevista para iniciar em maio e a expectativa é que os primeiros resultados após a instalação dos equipamentos sejam percebidos em junho, quando um dos módulos do dessalinizador já estará em funcionamento com a produção de 10 litros de água por segundo. 

 

O projeto do novo dessalinizador está inserido no pacote de investimentos previstos para Noronha pelo Governo do Estado, por meio da Compesa, e está orçado em R$ 22 milhões, seguindo um cronograma arrojado para ser entregue em julho. “Ficamos, cada vez mais, entusiasmados a cada novo equipamento que conseguimos garantir o envio para a ilha e que será integrado a esse projeto tão importante, que representa muito os investimentos sistemáticos do Governo de Pernambuco para a ampliação da oferta de água para os ilhéus”, destaca a presidente da Compesa, Manuela Marinho.

 

O novo sistema de dessalinização terá capacidade total de produção de 20 litros de água por segundo. O objetivo é que no futuro o sistema opere de forma simultânea com o já existente na ilha. A água dessalinizada corresponde a 30% do abastecimento de Fernando de Noronha, que é complementado com a captação da água do Açude do Xaréu, tratada na Estação de Tratamento de Água da Compesa – ETA Noronha, e, ainda, por poços artesianos.

 


RioTeca da Vila Santa Luzia recebe apoio da Prefeitura do Recife e est√° totalmente requalificada

RioTeca da Vila Santa Luzia recebe apoio da Prefeitura do Recife e est√° totalmente requalificada

A biblioteca urbana, criada a partir da iniciativa de um morador da área, conta agora com o primeiro mirante da cidade que permite a contemplação do Rio Capibaribe deitado em  gramado a céu aberto. Prefeito João Campos fez a entrega do novo equipamento na manhã desta quinta-feira (22)

 

Um espaço acolhedor que convidasse os moradores, principalmente crianças, da comunidade na Vila Santa Luzia, nas margens do Rio Capibaribe, na Torre, a viver momentos lúdicos e de lazer entre livros e brinquedos, com a contemplação da natureza. Essa foi a ideia do morador da região e marceneiro Claudemir Amaro da Silva quando, há 12 anos, começou a cuidar do pequeno espaço público ao qual deu o nome de RioTeca. Agora, com o apoio da Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria Executiva de Inovação Urbana, o espaço ganhou novos ares e foi inaugurado, na manhã desta quinta-feira (22), pelo prefeito João Campos. O gestor municipal aproveitou a ocasião e fez a doação de um exemplar para a biblioteca, o livro “A pensão de Dona Berta e outras histórias para jovens”, de Ariano Suassuna.


 

"Esta é uma ação muito importante para a cidade, a gente ter uma nova RioTeca. Começou lá atrás como um sonho e um projeto conduzido por Claudemir, e a comunidade se envolveu ao longo desse tempo. E agora através da Secretaria Executiva de Inovação Urbana a gente conseguiu fazer essa intervenção que entrega para o Recife um espaço de contemplação, de convivência com o rio, com a natureza, presenteando o meio ambiente e dando também a sensação de pertencimento”, explicou o prefeito. “Então aqui tem biblioteca, espaço para confraternização, escadaria com acesso à margem, também foi feito um talude adequado para as pessoas poderem deitar, sentar, contemplar o rio e fazer a leitura. É isso que a gente precisa: fazer com que o Rio Capibaribe cada vez mais esteja próximo das pessoas, para que possam cuidar dele e valorizá-lo”, detalhou.

 

A biblioteca urbana, que tem 956m² e fica na Rua Silves, ganhou melhorias de estrutura, passando a contar com bicicletário, passeio em tijolo intertravado, novas lixeiras, rampa de acessibilidade e teve o espaço de eventos, copa e banheiro todos cobertos e aprimorados. O local também ganhou o primeiro mirante da cidade que permite o morador ou visitante contemplar a vista para o Rio Capibaribe em pé, sentado ou até mesmo deitado em um gramado a céu aberto. O espaço ainda passou a contar com escadaria mirante, jardim, novas mesinhas de leitura, iluminação totalmente requalificada e parque infantil revitalizado com mais três novos brinquedos, beneficiando diretamente cerca de 410 famílias.


 

"Há 12 anos, o mato estava tomando conta aqui e, como eu não tenho medo de trabalhar, resolvi cuidar do espaço. Eu plantei árvores, construí uma pequena biblioteca, porque as pessoas podem ler e se educar. Depois veio a ideia do parquinho para as crianças, e depois um salão de festas. Como sou marceneiro, tudo o que eu recolhia do lixo, eu consertava, como cadeiras velhas. E eu agradeço muito a todos os que ajudaram a deixar tudo ainda mais bonito”, esclareceu Claudemir Amaro da Silva sobre a origem do projeto.

 

A ideia seguiu os passos da proposta de revitalização do Jardim Secreto do Poço da Panela, que tem como principal objetivo fortalecer a ativação urbana a fim de valorizar ainda mais o potencial paisagístico, a convivência comunitária e a relação do recifense com o Rio Capibaribe. “Nossa vontade é que o exemplo de Claudemir e os moradores da Vila Santa Luzia inspire mais recifenses. E que o recifense cada vez mais seja o protagonista da transformação da sua cidade”, destacou o secretário executivo de Inovação Urbana, Tullio Ponzi.

 

A RioTeca é o segundo Transplante Urbano do Recife realizado pela Secretaria Executiva de Inovação Urbana. A iniciativa é fruto da parceria com a Concrepoxi Artefatos e, literalmente, transplantou para a área uma praça que havia sido montada na CASACOR 2019. A intervenção também é fruto do apoio direto do Banco Itaú e Armazém 1507, totalizando um investimento de R$ 300 mil. Destes, R$ 200 mil são provenientes da própria Prefeitura do Recife e R$ 100 mil da iniciativa privada.

 

Todas as etapas do projeto foram apresentadas para a comunidade em reuniões e moldadas para atender os anseios e necessidades dos moradores entendendo que a concepção coletiva potencializa o engajamento e fortalece o projeto. “A RioTeca e o cuidado de Claudemir simbolizam exatamente o que a gente quer espalhar por toda a cidade. Hoje o Recife tem uma política pública que valoriza quem faz a diferença no lugar onde vive e inspira quem ainda vai fazer”, afirma Ponzi.

 

O resultado final surgiu a partir de um programa de imersão de voluntários coordenado pela arquiteta e urbanista, Sandy Vieira, da Secretaria Executiva de Inovação Urbana, que reuniu profissionais e estudantes de arquitetura para desenharem o que foi solicitado pela comunidade.

 

Para o motofretista Francisco Silva, 43 anos, que mora na Vila Santa Luzia há 12 anos com a esposa e o filho, é uma alegria acordar e já ver a área acolhedora da RioTeca diariamente. "Essa área veio só para somar à comunidade. A gente é muito grato tanto ao Claudemir Amaro que é o morador que teve a iniciativa de fazer isso quanto à Prefeitura do Recife que veio aqui, abraçou a ideia de tomar conta da praça, renovar a praça e dar essa praça maravilhosa para a gente hoje, um lugar tranquilo, onde se pode aproveitar para fazer uma leitura no final de semana, muito bom mesmo. Tem também uma horta que permite as pessoas pegarem alguns ingredientes como cebolas e tomates para poder incrementar uma salada, fazer um prato com orgânicos. Bem legal, bem bacana aqui", comemorou ele.


 

Já o filho de Francisco, Thiago Silva, 10 anos, aproveita a área para correr e brincar. "Venho muito para cá, gosto muito de brincar aqui, brinco de esconde-esconde e pega-pegou. O parque já era legal e com esses brinquedos novos ficou muito melhor. A biblioteca também está mais organizada. Muitos dos meus amigos vem para cá também", contou ele.


 

 

História – A RioTeca surgiu a partir do trabalho do marceneiro Claudemir Amaro da Silva. Durante 12 anos, ele vem plantando árvores, mantendo uma pequena biblioteca pública, reformando cadeiras, mesas e consertando brinquedos que antes estavam quebrados e hoje compõem um lindo parque que serve como espaço de convívio e lazer para toda a comunidade, principalmente para as crianças.

 

 

Fotos: Rodolfo Loepert/PCR
Vídeo: Lula Carneiro/PCR

 


NOTA DE PESAR - CANTOR AUGUSTO C√ČSAR

É com pesar que recebo a notícia do falecimento do cantor e compositor Augusto César, um ícone da música romântica e popular que faz parte da memória afetiva do povo recifense, de quem sempre foi próximo, ao longo de uma carreira repleta de sucessos. Estendo à família minha solidariedade e meus votos de força nesse momento de dor.

João Campos, prefeito do Recife

 


Recife registrou menor taxa de mortalidade para covid-19 entre as capitais do Nordeste em março

Recife registrou menor taxa de mortalidade para covid-19 entre as capitais do Nordeste em março

O indicador significa que o risco de morte na população da capital pernambucana, pela doença, foi menor do que em qualquer outra capital da região

O Recife teve, em março, a menor taxa de mortalidade para covid-19 em relação às outras capitais nordestinas. O índice, na capital pernambucana, ficou em 20,9, e significa que a cada 100 mil habitantes, cerca de 21 pessoas tiveram como causa da morte a infecção pelo novo coronavírus. A informação foi extraída do banco de dados do Ministério da Saúde e divulgada, nesta quarta-feira (21), pelo prefeito João Campos nas redes sociais.

“Mas não cabe aqui uma comemoração. Apesar de o risco de morte na nossa capital, pela doença, ter sido o menor da região, a pandemia segue tirando muitas vidas”, comentou o prefeito. “Cada vida importa e muito. Por isso, o nosso esforço vai continuar no sentido de fortalecer a rede municipal de assistência aos pacientes, assim como no avanço da vacinação. Seguimos reforçando as políticas de proteção para garantir que ainda mais vidas possam ser salvas”, acrescentou ele.

A capital pernambucana está no topo da lista, com o menor índice da região, seguida de São Luis (22,5), Maceió (27,8), Teresina (30,4), Aracaju (41,5), Salvador (46,1), Natal (47,6), Fortaleza (54,3) e João Pessoa (73,8). No mês passado, foram registrados, 345 óbitos por covid-19, no Recife, número que pode sofrer alterações por causa da atualização no banco de dados, prática comum na Vigilância em Saúde.

“Um óbito já é motivo de grande preocupação, além de comoção para nós, porque é uma família que perde um ente querido. Esse índice é um dos indicadores que utilizamos para analisar a situação da pandemia, nos ajudando a nortear as nossas decisões, no sentido do fortalecimento da rede municipal de assistência aos pacientes que precisam de tratamento e da vacinação ágil com as doses que chegam ao município. Ao mesmo tempo, reforça a necessidade, enquanto sociedade, de continuarmos seguindo as orientações básicas de higiene das mãos, distanciamento e uso de máscara”, disse a secretária de Saúde do Recife, Luciana Albuquerque.

LEITOS - Desde janeiro, a Prefeitura do Recife vem reforçando a rede de assistência para covid-19. Já foram abertos 400 novos leitos, dos quais 232 de terapia intensiva, para tratamento dos pacientes com síndrome respiratória aguda grave (srag). Os leitos de UTI, enfermaria, de observação e salas vermelhas estão distribuídos no Hospital Provisório Recife 1 (Aurora), Hospital da Mulher do Recife, Hospital da Pessoa Idosa, Hospital Evangélico e nas policlínicas municipais.

VACINAÇÃO - A Prefeitura do Recife aplicou, até agora, quase 418 mil doses da vacina contra covid-19, com mais de 274 mil pessoas vacinadas. Desse total, 143.330 mil pessoas já concluíram o esquema vacinal, tendo recebido as duas doses. Na noite desta terça-feira (20), o prefeito João Campos anunciou que, a partir das 12h desta quarta (21), todos os profissionais da saúde, que atuam em estabelecimentos de saúde localizados no Recife, poderão realizar o agendamento para serem vacinados contra a covid-19 através do site ou do aplicativo do Conecta Recife. A vacinação desse público começará já na quinta-feira (22).

OUTRAS MEDIDAS DE COMBATE À PANDEMIA - A respeito de outras ações de enfrentamento à covid-19, a Prefeitura do Recife reforçou o quadro de servidores da saúde na linha de frente de atuação, com a contratação de mais de 1.300 profissionais. Além disso, a gestão municipal, pensando na proteção social das pessoas mais vulneráveis da cidade, lançou, no mês passado, o Auxílio Municipal Emergencial do Recife (AME Recife), que tem investimento de R$ 6,4 milhões e que serão pagos em duas parcelas em abril e maio.

 

PERNAMBUCO - De acordo com um documento divulgado pela Organização Panamericana de Saúde (OPAS), no último dia 16, Pernambuco registrou, nos últimos 30 dias, uma taxa de mortalidade de 16,5 casos para cada 100 mil habitantes. Menos da metade da média nacional, que foi de 39,2 casos para cada 100 mil habitantes. Já a taxa de mortalidade da Região Nordeste ficou em 25,1 casos por habitante, bem abaixo das regiões Norte (29,1), Sudeste (42,8), Centro-Oeste (56,6) e Sul (55,7).

Imagens - Eduardo Nino

 


Recife abre imunização contra covid-19 para novo grupo

Recife abre imunização contra covid-19 para novo grupo

Todos os profissionais da saúde que atuam em estabelecimentos localizados no Recife poderão agendar a partir das 12h desta quarta-feira (21)

 

Na noite desta terça-feira (20), a Prefeitura do Recife anunciou mais um grupo que será contemplado com a imunização contra a covid-19 dentro do Plano Recife Vacina. A partir das 12h desta quarta (21), todos os profissionais da saúde que atuam em estabelecimentos de saúde localizados no Recife poderão realizar o agendamento através do Conecta Recife. A vacinação poderá ser agendada a partir do dia seguinte. Com isso, profissionais como dentistas, fisioterapeutas e qualquer outro trabalhador da saúde que atue em algum local sediado na capital pernambucana serão contemplados.

 

“Todos os trabalhadores de saúde dos estabelecimentos de saúde localizados na cidade do Recife estarão aptos para fazer o agendamento amanhã (21) e já poderão tomar a vacina a partir na quinta-feira (22). Com esse grupo, a gente avança ainda mais no Plano Recife Vacina, garantindo que nossa cidade dê uma proteção a todos e todas que estão trabalhando na saúde do Recife. A partir do meio- dia ao meio-dia desta quarta (21), o agendamento estará disponível para este agendamento através do Conecta Recife”, explicou o prefeito João Campos.

 

Esse novo grupo prioritário deve realizar agendamento através do sitewww.conectarecife.recife.pe.gov.br ou do app Conecta Recife, disponível gratuitamente na PlayStore, para Android, e AppStore, para quem utiliza o sistema iOS. Os trabalhadores que possuem vínculo empregatício em instituições de saúde públicas ou privadas devem anexar, no ato da marcação, e apresentar, no dia agendado para vacinação, uma declaração no modelo disponibilizado pela Secretaria e assinada pelo responsável indicado pela sua instituição.

Já os que atuam de forma autônoma, devem anexar no aplicativo e levar no dia da vacinação a carteira do Conselho de Classe da sua profissão. Além disso, no momento da imunização, será disponibilizada uma autodeclaração que será assinada pelo trabalhador, confirmando as informações inseridas no cadastro.

 

Até agora, mais de 412 mil doses já foram aplicadas no Recife, o que representa mais de 272 mil pessoas vacinadas. Desse total, mais de 139 mil pessoas já concluíram o esquema vacinal, tendo recebido as duas doses.

 

Pontos de vacinação - A capital pernambucana tem 17 pontos de vacinação, entre salas e drive-thrus, continuam funcionando normalmente. Todos os locais funcionam das 7h30 às 18h30, de domingo a domingo. As salas de vacinação ficam na Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos; Parque de Exposição de Animais, no Cordeiro; na Unidade de Cuidados Integrais (UCIS) Guilherme Abath, no Hipódromo; Compaz Ariano Suassuna, no Cordeiro; Ginásio Geraldão, na Imbiribeira; e Centro de Saúde Sebastião Ivo Rabelo, no Ibura.

 

Já os drive-thrus, que permitem atendimento sem sair do veículo, estão localizados no Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), na Tamarineira; Parque de Exposição de Animais, no Cordeiro; Fórum Ministro Artur Marinho - Justiça Federal de Pernambuco (Avenida Recife), no Jiquiá; Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos; Juizados Especiais do Recife, na Imbiribeira; Parque da Macaxeira, na Macaxeira; Geraldão, na Imbiribeira; Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), na Cidade Universitária; Tribunal Regional Federal da 5ª Região, no Bairro do Recife; BIG Bompreço de Boa Viagem e BIG Bompreço de Casa Forte.

 

Outros públicos - A vacinação no Recife está disponível ainda para os idosos a partir de 60 anos; trabalhadores da saúde, ativos, de qualquer área, a partir de 50 anos e trabalhadores da Atenção Básica do município. Além deles, os trabalhadores da saúde que atuam em UTIs (adulto, pediatria, neonatalogia, coronária e oncologia), setores de quimioterapia (ambulatorial e hospitalar), segmentos hospitalares de cardiologia, vascular e neurologia (enfermaria e diagnóstico), Terapia Renal Substitutiva (hemodiálise), maternidades (centro obstétrico, berçário, alojamento conjunto, centro de parto normal, diagnóstico e farmácia) e setores hospitalares de endoscopia, broncoscopia e imagem.

 

Além deles, os que atuam em policlínicas municipais; nas Vigilâncias epidemiológica, sanitária, ambiental e do trabalhador também estão recebendo a vacina. O município também está imunizando funcionários do sistema funerário que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados; trabalhadores de saúde lotados em hospitais do município, cirurgiões dentistas e os estudantes da área de saúde que atuam na linha de frente da covid-19 (UTI e enfermaria covid) e nos serviços de urgência e emergência.

 

VÍDEO COM A FALA DO PREFEITO JOÃO CAMPOS: https://we.tl/t-WFxh5kbloc