Teste de publicidades

Dilma denuncia ameaça à liberdade de imprensa e se solidariza com Eduardo Guimarães

Dilma denuncia ameaça à liberdade de imprensa e se solidariza com Eduardo Guimarães

SOLIDARIEDADE

Com apreensão, recebi a notícia de que Eduardo Guimarães, jornalista e editor do Blog da Cidadania, foi levado em condução coercitiva, às 6h da manhã, à sede da Polícia Federal, em São Paulo, para prestar esclarecimentos. A ele foi pedido que revelasse suas fontes. O episódio é grave. Ameaça a liberdade de imprensa e de expressão, garantidas pela Constituição. Sou solidária a Eduardo porque sei como é duro ter de se explicar por pensar e escrever.


 Manutenção emergencial  no Sistema Alto do Céu

Manutenção emergencial no Sistema Alto do Céu

Uma manutenção  emergencial foi iniciada  hoje (21),   na   adutora do Monjope,  integrante do  Sistema Alto do Céu, localizada  no bairro de Paratibe, na cidade do Paulista, acarretou a suspensão  do  abastecimento de água em alguns bairros do Recife e Olinda. Para executar o conserto da tubulação, foi necessário suspender o fornecimento de água no Recife nas seguintes localidades: Água Fria; Alto José Bonifácio; Alto José do Pinho; Alto Santa Terezinha;  Arruda;  Beberibe; Bomba do Hemetério; Cajueiro; Campina do Barreto; Fundão; Hipódromo; Linha do Tiro; Mangabeira e Porto da Madeira. Em Olinda, as áreas afetadas são: Peixinhos; São Benedito, Ribeira, Alto da Sé, Monte, Amaro Branco, Bonsucesso, Guadalupe e Varadouro. A previsão  é  retomar  a distribuição de água nas áreas atingidas  na  sexta-feira (24), a partir das 16h, após os procedimentos de  tratamento da água,  enchimento do reservatório e pressurização da rede. O fornecimento de água será  normalizado de acordo com o calendário de cada bairro.


PT repudia a condução arbitrária de Eduardo Guimarães

PT repudia a condução arbitrária de Eduardo Guimarães

A Bancada dos deputados estaduais do PT suspendeu suas atividades nesta terça-feira (21), em solidariedade ao blogueiro, editor do Blog da Cidadania, Eduardo Guimarães, conduzido coercitivamente pela Polícia Federal, sob acusação de supostos vazamentos. Os deputados José Zico Prado, líder da Bancada e Alencar Santana Braga se dirigiram à sede da Superintendência da Policial Polícia Federal de São Paulo, na Lapa. Leia abaixo nota de repúdio na íntegra:

NOTA DA BANCADA DO PT CONTRA CONDUÇÃO ARBITRÁRIA DO BLOGUEIRO EDUARDO GUIMARÃES

A Bancada dos deputados estaduais na Assembleia Legislativa se junta ao elo de protestos e indignação ao atentado à democracia e a liberdade de imprensa que atingiu o blogueiro Eduardo Guimarães, editor do Blog da Cidadania, levado coercitivamente à Superintendência da Polícia Federal de São Paulo, nesta terça- feira, às 6h da manhã.

Aos moldes dos tempos sombrios da Ditadura Militar, o blogueiro está incomunicável, sem acesso a advogados e direito de defesa, sob a acusação de supostos vazamentos sobre a condução coercitiva do ex- presidente Lula, em março do ano passado.

Diariamente a mídia brasileira noticia delações e fatos de maneira seletiva e mesmo assim tem garantido o exercício à liberdade de imprensa, expressão e garantia de sigilo à fonte, asseguradas na Constituição Federal.

Os deputados estaduais do Partido dos Trabalhadores condenam a censura e a autoritária ação da Polícia Federal, que aos moldes do Estado de Exceção querem calar a democracia e a imprensa, e se colocam na trincheira em defesa do companheiro Eduardo Guimarães.

Da Redação da Agência PT de notícias.


O QUE TEMER COM A REFORMA DA PREVIDÊNCIA?

O QUE TEMER COM A REFORMA DA PREVIDÊNCIA?

O QUE TEMER COM A REFORMA DA PREVIDÊNCIA? 

A reforma da Previdência Social, proposta pelo governo Temer, apresenta mudanças drásticas para a classe trabalhadora, como o estabelecimento da idade mínima de 65 anos para a aposentadoria e fim do pagamento integral da pensão ao cônjuge em caso de morte. 

Para debater sobre o tema e suas consequências, na próxima sexta-feira (24), os gabinetes do Vereador Daniel Finizola e do Senador Humberto Costa realizarão uma discussão pública sobre a proposta da reforma, com o ex Ministro da Previdência, Carlos Gabas. 

A gente espera vocês.


Usuários do transporte coletivo sofrem um novo golpe do governo Paulo Câmara PSB

Usuários do transporte coletivo sofrem um novo golpe do governo Paulo Câmara PSB


Meia-passagem aos domingos no Grande Recife fica restrita a passageiros do VEM Comum (Foto: Reprodução/TV Globo)

Meia-passagem aos domingos no Grande Recife fica restrita a passageiros do VEM Comum (Foto: Reprodução/TV Globo)

 

Mesmo após a repercussão negativa gerada por um boato sobre a suspensão da meia-passagem aos domingos para os passageiros que pagam em espécie as tarifas de ônibus no Recife e na Região Metropolitana, o Grande Recife Consórcio de Transporte decidiu efetivar a mudança a partir de domingo (26). A partir dessa data, segundo o órgão, só terá direito ao desconto de 50% quem utiliza o Vale Eletrônico Metropolitano (VEM) Comum. Após o aumento em janeiro deste ano, as tarifas dos anéis A e B passaram a custar R$ 3,20 e R$ 4,40.

Um boato sobre a resolução circulou nas redes em janeiro, mas foi tratado como 'divulgação irregular' pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros no Estado de Pernambuco (Urbana-PE). De acordo com o Grande Recife Consórcio de Transporte, a mudança ocorre para "incentivar o uso da bilhetagem eletrônica, reduzindo a circulação de dinheiro nos ônibus do Sistema de Transporte Público de Passageiros da Região Metropolitana do Recife".

A decisão, assinada pelo presidente do Conselho Superior de Transporte Metropolitano (CSTM), Francisco Papaléo, foi publicada na edição de sábado (18) do Diário Oficial do Estado e se refere apenas ao benefício para usuários do VEM Comum, sem citar quem utiliza o VEM Trabalhador. Portadores do Passe Livre e estudantes, que já têm a meia-passagem em todas as tarifas, não terão mudanças na utilização do cartão.

A estudante Raquel Gomes reclama de mudança na meia-passagem nos ônibus aos domingos na Região Metropolitana do Recife (Foto: Pedro Alves/G1)

A estudante Raquel Gomes reclama de mudança na meia-passagem nos ônibus aos domingos na Região Metropolitana do Recife (Foto: Pedro Alves/G1)

 

A medida não agradou alguns passageiros do transporte público na Região Metropolitana do Recife, que reclamaram da obrigatoriedade do uso do VEM Comum. No Terminal Integrado Pelópidas Silveira, em Paulista, Raquel Gomes, 22 anos, considera que a medida não vale a pena para quem anda de ônibus. Ela estuda Direito no município e costumava usar dinheiro para pagar a meia-passagem aos domingos, já que, mensalmente, há um limite de utilizações do VEM Estudante. Para a aluna, a medida pode até diminuir os assaltos ao caixa dos coletivos, mas não beneficia os passageiros.

"É errado obrigar as pessoas a portarem o cartão, o que deveria ser uma escolha. Para os empresários, é viável, porque eles ganham mais dinheiro com recargas, taxas e aquisições do cartão, mas o usuário nunca tem opinião. Fora que não se pode carregar muito dinheiro no VEM Comum, porque, caso eu seja assaltada, por exemplo, o ladrão vai poder usar meus créditos normalmente", explicou.

Segundo o Grande Recife Consórcio de Transporte, o cartão pode ser adquirido no Posto de Atendimento, na Rua da Soledade, 259, no centro da capital, de segunda a sexta, das 8h30 às 17h30. Também é possível adquirir o cartão VEM Comum nas estações do BRT, com carregamento mínimo de R$ 10. Nesse caso, há a cobrança de taxa de aquisição do cartão, no valor de R$ 4, e o restante é revertido em passagem.

Quem já possui o cartão pode recargá-lo nas máquinas de autoatendimento, no posto da Soledade, nas estações do BRT ou nos estabelecimentos da Rede Ponto Certo, onde é cobrada uma taxa de conveniência e há o limite de R$ 100 por transação. Também é possível fazer a recarga pelo aplicativo da Ponto Certo. Nos últimos meses, passageiros também têm reclamado que os postos de autoatendimento dos terminais estão quebrados.

Com o aumento da passagem, estudantes e trabalhadores que usam os postos desentralizados denunciaram que precisam pagar ao menos duas vezes a taxa de conveniência cobrada pela rede credenciada Ponto Certo. O problema ocorre, por exemplo, com o estudante que usa o Cartão Vem 70 vezes por mês na tarifa do Anel B, que custa R$ 4,40. No fim do mês, ele desembolsa R$ 154, uma vez que tem direito à meia-passagem. O limite de recarga estabelecido pela rede credenciada é de R$ 100 por cada transação mensal.

A modelista Sheyla Amorim prefere pagar em espécie a meia-passagem aos domingos nos ônibus (Foto: Pedro Alves/G1)

A modelista Sheyla Amorim prefere pagar em espécie a meia-passagem aos domingos nos ônibus (Foto: Pedro Alves/G1)

A insatisfação é compartilhada pela modelista Sheyla Amorim, que mora em Igarassu, na Região Metropolitana do Recife, e, nos fins de semana, precisa pegar ônibus para quase tudo o que precisa fazer. "É um benefício que foi tirado. Você é obrigado a gastar dinheiro para comprar um cartão que não vai mudar sua vida em nada. São os mesmos ônibus lotados, é a mesma passagem cara e você não tem nenhum desconto. A mudança não é nem um pouco prática. Achei péssimo", disse.

O Grande Recife Consórcio de Transporte informou que os passageiros que tiverem dúvidas sobre a mudança devem entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente, pelo telefone 0800 081 0158.

 

Medidas polêmicas

 

aumento de 14,26% da tarifa de ônibus no Grande Recife foi aprovado sob protestos na capital pernambucana, durante reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano no dia 13 de janeiro deste ano. A tarifa do Anel A, que custava R$ 2,80, passou a ser R$ 3,20, enquanto a do Anel B subiu de R$ 3,85 para R$ 4,40. Subiram também os valores do Anel D, que foi de R$ 3 para R$ 3,45, e do anel G, de R$ 1,80 para R$ 2,10. O reajuste previa a renovação de 467 ônibus, dos 3 mil que integram a frota, nos meses de fevereiro e março.

No início de fevereiro, 27 mil passageiros da Zona Oeste do Recife, que dependem de oito linhas de ônibus para chegar ao centro da capital, foram afetados por uma mudança que os faria passar a descer na Avenida Caxangá e fazer integração com o BRT para ir à cidade. As linhas Engenho do Meio, Brasilit, Avenida do Forte, Sítio das Palmeiras, Torrões, Roda de Fogo, Monsenhor Fabrício e Barbalho/Detran deixaram de circular pelo centro do Recife e começaram a fazer parte da integração temporal na Avenida Caxangá com o corredor Leste-Oeste do BRT.

Gradativamente, o Grande Recife Consórcio tem implantado o pagamento exclusivo com VEM nos ônibus da capital e da Região Metropolitana. No dia 12 de março, mais seis linhas de ônibus passaram a não mais aceitar passagens em dinheiro. Os coletivos circulam sem cobradores, aceitando o pagamento exclusivamente por meio do VEM nas versões Comum, Estudante ou Trabalhador. A mudança, segundo o Grande Recife Consórcio de Transporte, é devido à "baixa demanda de usuários".

As linhas que pararam de ter cobradores foram a 204 - Loteamento Jiquiá/TI Santa Luzia, 222 - Jardim Uchôa, 242 - Pacheco (Floresta), 412 - San Martin (Largo da Paz), 424 - CDU/Torrões (San Martin) e 812 – Sítio Novo (Av. Norte). Segundo o Grande Recife Consórcio de Transporte, os passageiros dessas linhas vêm sendo comunicados da mudança por meio de cartazes fixados nos ônibus desde o início de fevereiro.


EM MONTEIRO PB, A ESPERANÇA TOMOU POSSE

EM MONTEIRO PB, A ESPERANÇA TOMOU POSSE

EM MONTEIRO, A ESPERANÇA TOMOU POSSE
Num momento de tanto desânimo, em que o país mergulhado no caos econômico e numa enorme crise política motivados por um golpe contra a democracia desfechado pelas forças do atraso e da defesa do status quo, o que se viu hoje na cidade de Monteiro e em todos os lugares por onde Lula e Dilma passaram significa um fulgurante raio de esperança.
Hoje ficou patente que as elites brasileiras jamais conseguiram produzir uma liderança popular como Luís Inácio Lula da Silva, jamais alguém, mesmo Getulio Vargas, conseguiu morar nos corações e na alma do povo como esse homem que veio desse mesmo povo, que é um sobrevivente da seca, da fome, da miséria, das injustiças sociais, do trabalho mal remunerado, da doença, dos efeitos de séculos de domínio do latifúndio, da monocultura, do coronelismo, de uma sociedade de profundas desigualdades sociais. O povo ama Lula, porque ele é a sua própria encarnação, a sua melhor face, é aquele que dentre eles deu certo e não virou as costas para ele, não o esqueceu.
Hoje ficou patente que se Lula já é um mito vivo, se as elites do país tiverem a coragem e o descaramento de o encarcerarem sem ele ter cometido qualquer delito, ele se tornará lenda e as perseguirá enquanto viver e mesmo depois de morto. O que se viu hoje desde a chegada no aeroporto em Campina Grande, ao longo de todo o percurso até Monteiro pela BR-432, completamente colapsada, nas cidades de Serra Branca, Sumé foi o encontro do maior líder popular da história do Brasil, do maior presidente que este país já teve com o seu povo, sem precisar de seguranças, cercas, tapumes, como aquelas que cercaram e protegeram o homúnculo que ocupa ilegitimamente neste momento o Palácio do Planalto, um espécime do tipo que só  nossas piores elites é capaz de criar. 
Não era apenas a militância petista que estava em Monteiro, ela estava sim, novamente revigorada, ela que andava de cabeça baixa depois da derrota, se encheu novamente de brio e orgulho por tudo o que o PT fez por esse país, só a transposição do São Francisco já coloca o partido, que tentam caluniar e destruir, na história do país, ele que fez bem mais. Não eram apenas os militantes da esquerda que estavam lá. Sim, eles estavam, de muitos partidos, de muitos estados brasileiros, pois parecem começar a perceber que enquanto a esquerda se dividir a direita imporá ao país sua agenda antipopular e antinacional. Mas quem estava lá, em sua maioria, eram homens e mulheres do povo nordestino, de muitos estados nordestinos e brasileiros, porque apesar de todo o bombardeio da mídia dos patrões, da mídia golpista e oligopolista, o povo sabe a verdade, o povo sentiu em sua vida as mudanças trazidas por 14 anos de governos populares. Não são as acusações levianas, sem provas, não são a ridicularia de um pedalinho e de um apartamento que não é de quem dizem que é que fará o povo esquecer o que aconteceu em suas vidas nesses últimos anos.
Se as pessoas de outras regiões não compreendem o amor dos nordestinos por Lula, visitem a transposição e possa ser que entendam. Quem, como eu, andou léguas atras de agua para beber, quem correu atras de vacas e jumentos durante quilômetros para encontrar uma fonte de agua para que matassem a sede, não pode evitar as lágrimas ao ver aquela água chegando pelos canais ao sertão. Como não amar e ser agradecido ao homem que teve coragem de enfrentar todos os obstáculos, e foram muitos, para que esse quase milagre acontecesse? Podem dizer o que for, o sertanejo desconfiado ficará calado ouvindo o doutor reacionário, o boizinho de classe media falar mal de Lula, mas lá no intimo Lula e Dilma ficarão para sempre na alma desse povo.
Em Monteiro, uma cidade de 10 mil habitantes, mais de 50 mil pessoas vieram celebrar o retorno da esperança e não foi mais porque a estrada colapsada não permitiu a aproximação. Como em 2003 e 2007, nas posses de Lula, o povo acorreu de todos os lugares, alegres, para uma enorme confraternização, a esperança estava novamente no ar, novamente ela vencia todos os medos. Não havia mais lugar para hospedar ninguém, Lula e Dilma mal conseguiram se aproximar das águas com tanta gente a querer toca-los, abraça-los. O carro que os levava ficou preso  sob a multidão. Hoje, em Monteiro a esperança voltou a tomar posse de todos nós que queremos um Brasil mais justo, mais igualitário, mais humano, menos desigual, um Brasil para seu povo, um país que tenham governos que não se vanglorie de serem impopulares e de tomarem medidas impopulares. Podem chamar Lula de populista, quem assim o faz é porque lhes falta o verdadeiro amor e gratidão do povo. Hoje em Monteiro jorrou as águas da esperança e eu me banhei de lágrimas de alegria e de emoção.

Prof. Dr. Durval Muniz de Albuquerque Jr. (PPGH-História/UFRN e UFPE)

Foto: Ricardo Stuckert


CNB/PT realiza plenária em Recife

CNB/PT realiza plenária em Recife

A corrente majoritária do Partido dos Trabalhadores, Construindo Um Novo Brasil (CNB), realizou nesta quarta-feira (20),  plenária estadual, em Recife. O evento, que contou com a presença do secretário nacional de Finanças do PT, Márcio Macêdo, Vivian Farias, da Executiva Nacional do PT, Bruno Ribeiro, Presidente Estadual do PT Pernambuco,  reuniu dezenas de lideranças, como o Deputado Estadual Odacy Amorim, Sergio Goiana, da CUT, Jurandir Liberal, ex vereador do Recife, além de militantes. A Plenária discutiu o processo interno eleitoral, conjuntura política do país e o 6º Congresso Nacional do PT.

Márcio Macêdo defendeu o fortalecimento do PT e a unidade entre as correntes da sigla para as eleições internas, que ocorrerão neste semestre. "É muito importante que o PT se organize, estamos rodando os Estados. Vivemos um novo momento de resistência que requer organização forte e unidade, para que possamos resistir. 2017 é o ano para organizar o partido", disse. Segundo ele, somente com organização e unidade será possível resistir os ataques contra o partido e contra a sua principal liderança, o ex-presidente Lula. "O PT e Lula são os alvos centrais daqueles que não querem a retomada do projeto de desenvolvimento do país. Estávamos indo para 16 anos de avanços democráticos, mas fomos interrompidos por aqueles que forjaram uma crise, para retirar uma presidente legítima do poder, e agora eles não conseguem resolver a recessão econômica.

Para ele, o momento requer "calma e tranquilidade, mas também coragem". "Vamos continuar nossa luta. O momento requer calma, tranquilidade e coragem. O golpe, infelizmente, foi dado, e as consequências estão postas: menos recursos para Saúde e Educação, uma reforma da Previdência injusta, uma tentativa de retirada dos direitos trabalhistas. Aquilo que não tiveram condições de fazer durante o governo FHC, vão tentar fazer agora, com a unanimidade dos setores que detém o capital e o apoio dos conglomerados de mídia", ressaltou. Ainda em sua explanação, Márcio agradeceu a CNB-Pernambuco pelo convite.


Deputada Teresa Leitão (PT) no plenário denuncia agressão a jovem

Deputada Teresa Leitão (PT) no plenário denuncia agressão a jovem

No plenário, a deputada Teresa Leitão denunciou a agressão ao jovem Everaldo, baleado pela polícia quando protestava por mais segurança em Itambé, mata norte do Estado. A deputada enviou um ofício ao Governo do Estado solicitando audiência com o secretário de Defesa Social.


CHEGOU O NOVO BLOG DO EDUARDO NINO!!!!!!!

CHEGOU O NOVO BLOG DO EDUARDO NINO!!!!!!!

CHEGOU O NOVO BLOG DO EDUARDO NINO!!!!!!!
aqui você consome notÍcias orgânicas, sem o agrotóxico da manipulação 
 >>> http://blogdoeduardonino.com.br/


Compesa realiza manutenção em reservatório do Sistema Várzea do Una

O Sistema Várzea do Una, responsável pelo abastecimento de água da  cidade de São Lourenço da Mata, na Região Metropolitana do Recife, receberá  serviços de manutenção  que visam a melhoria da distribuição de   água. Para realizar as  intervenções, será necessário suspender a operação do sistema por 48 horas.

 

A paralisação será  iniciada  hoje (20), a partir das 17h, e está previsto para ser finalizado na quarta-feira (22), O fornecimento de água será retomado logo após a conclusão dos serviços de manutenção, de forma gradativa e seguindo o calendário de cada área. Informações: 0800 081 0195.


Dono de um dos portais mais importantes do Nordeste exalta evento na Paraíba e alerta para a vida de Lula, ‘A segurança tem que ser redobrada’

Dono de um dos portais mais importantes do Nordeste exalta evento na Paraíba e alerta para a vida de Lula, ‘A segurança tem que ser redobrada’

O Diretor superintendente do Portal e Tv Online Click Política, o jornalista Gil Silva, afirmou que depois do ato que reuniu 70 mil pessoas na Paraíba, o ex-presidente Lula (PT) deve reforçar a sua segurança pessoal durante ‘suas andanças’ pelo o país.

Gil lembrou de acidentes aéreos não explicados que ceifaram a vida de homens públicos, a exemplo do Ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki.

O jornalista disse que Lula aglomera a cada dia, inimigos poderosos, de vários setores da sociedade brasileira, a exemplo de políticos e figuras do poder judiciário.

O empresário falou que só a morte poderia fazer com que Lula não se elegesse em 2018, ‘Temo porque mesmo que não seja candidato, Lula no palanque elege qualquer um. No caso, nem uma inelegibilidade livraria os golpistas de uma derrota fragorosa nas eleições de 2018’; finalizou.

CLICK POLÍTICA


Festa popular: 100 mil vão a Monteiro para inaugurar Transposição

Festa popular: 100 mil vão a Monteiro para inaugurar Transposição

Cerca de 100 mil pessoas participaram, neste domingo (19), da grande festa popular de inauguração do Projeto de Transposição do Rio São Francisco, que aconteceu na cidade de Monteiro, na Paraíba, um dos municípios beneficiados pela obra.

Estiveram presentes o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidenta eleita Dilma Rousseff, o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, Ciro Gomes, governadores e ex-governadores, diversos deputados, senadores, prefeitos da região, militantes, dirigentes de partidos, além de outros nomes que ajudaram este sonho do povo do sertão a se tornar realidade. O cantor Chico César também fez uma participação, homenageando Lula e Dilma e cantando para a população.

A presidenta eleita Dilma afirmou que as águas do rio São Francisco estão ajudando a lavar a alma do povo brasileiro. Ela comentou que Lula tomou a iniciativa de tirar do papel a Transposição porque sabia o valor da água para o povo nordestino. “É preciso que a pessoa decida, tome medidas, supere desafios, dificuldades”.

Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Ricardo Stuckert/Instituto Lula

Lula e Dilma em Monteiro

Dilma lembrou que “Lula deixou esse projeto pronto” e disse ter a “honra de ter dado prosseguimento”. Ela ainda criticou a “cara de pau” dos golpistas que fizeram uma cerimônia fechada de inauguração da Transposição, em Monteiro, e no passado fizera oposição ao projeto. Enquanto a presidenta falava e criticava os golpistas, o povo respondia em coros de “ Fora Temer”.

Ela voltou a se defender das acusações de irregularidades. “Até as pedras desse país sabem q eu nunca cometi nenhum crime e que deram esse golpe para tirar os direitos que nós demos durante os nossos governos”. “Eu sou obrigada a dizer que o golpe não acabou. Faz parte do golpe fazer mentiras sistemáticas que levam alguém que nunca levantou um dedo pela transposição se vangloriar e dizer que foi ele quem fez”, acrescentou a presidenta, que também criticou o desmonte da Previdência.

Dilma ainda afirmou que os golpistas e opositores tentaram impedir que o Brasil tenha uma eleição livre, aberta, ampla. “Impedirão essa eleição?”, questiona ela. “Não, porque tenho certeza que o povo desse país não suporta um segundo golpe”.

O presidente nacional da Central Única dos Trabahadores (CUT), Vagner Freitas, também esteve no ato e conclamou o povo a lutar contra os desmontes promovidos pelo governo golpista. “Quem aqui vai deixar o temer tomar nossas férias? Quem disse que esse governo, que está sendo processado, tem alguma legitimidade para tirar algo nosso?”, ouvindo um sonoro “não” da população.

Para Eden Duarte, prefeito de Sumé, município vizinho de Monteiro, a paternidade das obras da Transposição não é desconhecida. “Se obra pública tiver certidão de nascimento, a nossa teria escrito que o pai é Luiz Inácio Lula da Silva e que a mãe é Dilma Rousseff, com o povo brasileiro como testemunha”.

Representando os senadores do PT, o líder da Oposição no Senado,  Humberto Costa (PT-PE), exaltou a verdadeira festa de inauguração do eixo leste da Transposição.

“A oposição era contra a Transposição, diziam que não ia sair do papel. Quando a água chega, são os primeiros a querer surfar na alegria da população do Nordeste”, lembrou o senador.

Ricardo Stuckert/Instituto Lula

Cerca de 100 mil pessoas foram às ruas ver Lula em Monteiro

“A população viu um brasileiro retirante tornar esse sonho uma realidade. Lula que teve a ideia e começou a obra, Dilma que não deixou parar, isso é só o começo da redenção do Nordeste”, acrescentou.

O governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, também exaltou a iniciativa de Lula ao iniciar as obras, sonhadas há milhares de anos pelos nordestinos. “Não podia ser qualquer membro daquela elite, tinha que ser um filho do povo, alguém que sentiu na pele o que é ser um nordestino”. Coutinho afirmou que “não são águas apenas para tirar uma cidade do colapso, é uma necessária e progressiva mudança de mentalidade do nosso povo. Esse é o mais duro golpe no coronelismo aqui no Nordeste”.

Pai, mãe, irmão, tio e sobrinho

A visita do ex-presidente Lula e da comitiva mudou o cenário da cidade do sertão nordestino. As estradas, hotéis e pousadas da região ficaram completamente lotadas.

“Tenho muito orgulho de ter tido a coragem de iniciar esse projeto. Se eles têm vergonha, nós não temos. Dilma e eu, nós temos orgulho de dizer: somos pai, mãe, irmão, primo, tio e sobrinho da Transposição das águas do São Francisco”, afirmou Lula.

Apesar do sucesso das obras da Transposição, Lula reforçou que o problema da seca no Nordeste ainda não está resolvido. “O fato da água estar aqui não significa que o problema está resolvido, porque está cheio de gente morrendo de seca na beira do São Francisco e do açude. Agora é preciso levar para a adutora, tratar a água e levar para a torneira. Esse projeto tem compromisso com 290 comunidades para que a água possa chegar para ele plantar o mínimo necessário”.

No palco, ele voltou a defender o povo nordestino e relembrou os ataques que vem sofrendo ao longo dos últimos anos.

“Vocês sabem o que eles estão tentando fazer comigo. Eu só queria avisar pra eles, se eles quiserem brigar comigo, eles vão brigar comigo nas ruas desse País, para que o povo possa ser o senhor da razão nessa disputa. Eu estou a espera de um empresário me denunciar, que eles digam se tem um real na minha conta porque, se tiver, eu não preciso nem me defender”.

“Eu aprendi a andar de cabeça erguida, de pescoço esticado, venci os preconceitos. Se querem me prejudicar, criem vergonha e não prejudiquem 204 milhões de pessoas”, completou o ex-presidente.

Da Redação da Agência PT de Notícias