Teste de publicidades

Com novo listão, Prouni Recife atinge 1.434 estudantes bolsistas

Última chamada do edital 2021.1 beneficia mais 83 estudantes em 29 cursos diferentes

 

 

Com as inscrições encerradas no dia 6 de fevereiro, o Programa Universidade para Todos (Prouni) do Recife divulgou a sua última chamada do edital 2021.1 na última sexta-feira (12). Foram beneficiados 83 estudantes recifenses, somando um total de 1.434 bolsistas pelo programa municipal em universidades particulares da cidade desde o início.

 

As vagas foram preenchidas em 29 cursos diferentes, tendo mais bolsas ocupadas em Psicologia, Direito, Ciências Contábeis, Gestão em RH e Serviço Social. As instituições de ensino envolvidas no processo seletivo foram a Maurício de Nassau, Estácio, Universidade Tiradentes (Unit), o Centro Universitário UniFBV e a Sopece.

 

"A finalidade do Prouni Recife é democratizar o acesso ao ensino superior e dar oportunidade ao jovem de se qualificar para entrar no mercado de trabalho", explica a secretária de Trabalho e Qualificação Profissional do município, Adriana Rocha. Ela ressalta que, especialmente em tempos de pandemia, é uma vitória proporcionar educação a mais recifenses e aumentar o número de bolsistas contemplados.

 

O programa abre edital de inscrição das bolsas duas vezes ao ano, sendo o edital 2021.2 publicado no Diário Oficial do Recife no segundo semestre deste ano. Até lá, a Prefeitura deverá anunciar os próximos prazos de inscrição, números de vagas e cursos disponíveis. Vale ressaltar também que o acesso ao VEM Passe Livre Estudantil só será disponibilizado àqueles estudantes com aula prática presencial.

 

PROUNI RECIFE - O objetivo do ProUni Recife é oferecer bolsas de estudos universitárias gratuitas para estudantes de cursos presenciais de graduação e de cursos superiores de menor duração em instituições privadas de ensino superior estabelecidas no município do Recife. O programa foi instituído pela Lei n° 18.113/2015 e funciona sob o regime de concessão de isenção fiscal.

 


SinBeleza Pernambuco pede inclusão do setor de beleza entre as atividades essenciais

O SinBeleza Pernambuco, sindicato patronal que engloba o setor da beleza, enviou ofício ao Governador Paulo Câmara solicitando a reconsideração e inclusão do setor da beleza entre as atividades essenciais e liberação imediata do exercício da atividade econômica dos salões de beleza, clínicas de estética e assemelhado.

O setor da beleza apresentou e executou plano de enfrentamento tido como um dos melhores e mais arrojados apresentados por setor da economia em Pernambuco, as empresas investiram grandes somas na readequação de espaços, compra de equipamentos, treinamento das equipes, distanciamento e readequação nos atendimentos, tanto que o setor teve sua reabertura na primeira fase da reabertura da economia em meados de junho de 2020. Tanto que as empresas do setor da beleza foram amplamente fiscalizadas, iniciaram suas atividades na primeira fase do plano de reabertura, e enquanto estavam funcionando não houve aumento de casos.

No ofício também foi pedida retratação em virtude da entrevista dada a TV CLUBE, pelo  Secretário da Criança e da Juventude e Sr. Pedro Eurico de Barros e Silva, em entrevista afirmou que o trabalho dos profissionais de beleza, tais como manicures, cabeleireiras, barbeiros e assemelhados poderiam exercer sua atividade em domicílio, atendendo as pessoas em suas casas.

Vale ressaltar que o atendimento em domicílio é proibido pela Anvisa Nacional, pois em resolução específica trata que os serviços em embelezamento não podem ser realizados em ambiente doméstico, pois este não possui condições técnicas para garantir as exigências sanitárias mínimas, a exemplo os instrumentos quando usados em um cliente não podem ser reutilizados em outro sem a sanitização necessária, muitas vezes esta só é possível com a utilização de equipamentos e produtos próprios.

Em um estudo apresentado por este Sindicato ao comitê de crise Sas-Covid-19 em março de 2020, ficou evidente que o atendimento em domicílio é um vetor muito maior de contágio, do que o próprio atendimento em Salões de Beleza e Similares, tendo em vista além do fluxo de profissionais nas residências, não haveria controle de acesso, limpeza de instrumentos ou fiscalização podendo causar grande risco de contágio para clientes e profissionais.

 

Samuel Salazar assume compromisso de agilizar aprovação do Auxílio Municipal Emergencial

O investimento é de cerca de R$ 6 milhões nas duas parcelas. E os beneficiados não precisam se cadastrar em nenhum endereço e devem ser procurados pelas equipes da Assistência Social


O vereador Samuel Salazar (MDB) afirmou que irá agilizar a tramitação do Auxílio Municipal Emergencial Recife (AME) para grupos que precisam de um apoio na renda mensal, da Prefeitura do Recife. O projeto será encaminhado para a Câmara Municipal do Recife, em regime de urgência, e na próxima sessão ordinária o líder do governo solicitará dispensa de prazo. 

“Já conversei com o presidente da Casa José Mariano para que essa matéria entre em pauta o mais rápido possível. É mais um projeto importante que precisamos votar com bastante rapidez para ajudar as pessoas no enfrentamento à pandemia”, disse Samuel Salazar. 

Segundo a Prefeitura do Recife ao todo, serão cerca de 30 mil famílias beneficiadas nos meses de abril e maio. O investimento é de cerca de R$ 6 milhões nas duas parcelas. 
E os beneficiados não precisam se cadastrar em nenhum endereço e devem ser procurados pelas equipes da Assistência Social da Prefeitura do Recife para receber o auxílio.

“Todas as ações emergenciais no combate à covid-19 são de extrema importância. E Não tenho dúvidas que essa matéria será aprovada, por unanimidade, pelos vereadores porque conhecemos a realidade dessa parcela da população tão vulnerável”, enfatizou o líder do governo.


 

Prefeitura do Recife Lançou hoje o Auxílio Municipal Emergencial (AME) do Recife, para famílias em situação de vulnerabilidade social

Prefeitura do Recife Lançou hoje o Auxílio Municipal Emergencial (AME) do Recife, para famílias em situação de vulnerabilidade social


- 30 mil famílias beneficiadas  

- Parcelas em abril e maio  

-  Investimento total de R$ 6,5 milhões nas duas parcelas  

- Grupo 1: R$ 150 mensais para cada uma das 17.176 famílias da chamada “fila” do Bolsa Família federal  

-  Grupo 2: R$ 50 mensais para 12.451 famílias que recebem atualmente o Bolsa Família e possuem filhos com idades entre 0 e 3 anos


ATENDIMENTO PRESENCIAL NAS LOJAS DA COMPESA FICARÁ SUSPENSO DURANTE O DECRETO ESTADUAL

A partir desta quinta-feira (18), as 157 lojas de atendimento da Compesa no Estado estarão com atendimento presencial suspenso, em virtude do Decreto Estadual que estabelece novas regras de distanciamento social. Nesse período, os clientes da Companhia contarão com os serviços on-line na Loja Virtual da Compesa acessando o site www.compesa.com.br e também do App Compesa Mobile. O atendimento presencial nas lojas ficará suspenso durante o período de vigência do decreto, até o domingo (28).

 

Nos canais de atendimento digital da Compesa estão disponíveis os principais serviços para os clientes, a exemplo de consulta de fatura, acompanhamento de serviços, calendário de abastecimento, consulta de débitos, retificação de conta, vazamento, mudança de titularidade, entre outros. O atendimento pode ser realizado a qualquer hora do dia. O diretor de Mercado e Atendimento da Compesa, Carlos Júnior, destaca a facilidade do atendimento virtual durante o período de enfrentamento da pandemia.

 

“Os canais de atendimento digital são ferramentas já consolidadas, mas que nesse período ganham ainda importância oferecendo aos clientes Compesa a comodidade de solucionar questões mantendo o distanciamento social. Sabemos o momento desafiador que estamos atravessando e a importância de mantermos as medidas sanitárias necessárias, em conformidade com as diretrizes do Governo de Pernambuco”, destaca Carlos Júnior. 

 

TARIFA SOCIAL – Também foi anunciada no domingo (14) pelo Governo de Pernambuco a suspensão da cobrança da conta para os 120 mil clientes enquadrados na tarifa social pelo período de três meses, o que representa um impacto em cerca de 600 mil pessoas. A suspensão já está em vigor e será válida até maio de 2021. A medida já havia sido adotada em março do ano passado em função da situação emergencial decretada devido à pandemia da Covid-19.

 


Samuel Salazar comemora aprovação que autoriza aquisição de vacinas no Recife

Samuel Salazar comemora aprovação que autoriza aquisição de vacinas no Recife

Com a aprovação, o município está autorizado a adquirir vacinas pelo Consórcio Conectar. A expectativa é que sejam adquiridas cerca de 200 mil doses para o Recife. O prefeito João Campos (PSB) deve sancionar o projeto ainda hoje

A Câmara Municipal do Recife aprovou nesta segunda-feira (15), por unanimidade, o projeto que autoriza Recife a integrar o consórcio de municípios para aquisição direta de vacinas contra a covid-19. A votação em regime de urgência ocorreu de forma remota em reunião plenária realizada na manhã de hoje. A matéria foi encaminhada pela Prefeitura do Recife para a Casa José Mariano na última segunda (08) e teve dispensa de prazo solicitada pelo líder do governo Samuel Salazar (MDB). O prefeito João Campos (PSB) deve sancionar o projeto ainda hoje.

“É urgente a necessidade que temos de adquirir novas vacinas e continuar imunizando a população. E com mais celeridade. A doença avança e essa é a maneira de conter a contaminação. A Câmara cumpriu o seu papel em mais uma importante decisão no combate à covid-19 em nosso município”, disse Samuel Salazar.

Segundo o vereador Samuel Salazar, a aprovação imediata do projeto foi necessária, porque a montagem do consórcio está prevista para o dia 22 de março. Com a aprovação, o município está autorizado a adquirir vacinas pelo Consórcio Conectar – Consórcio de Vacinas das Cidades Brasileiras. A expectativa é que sejam adquiridas cerca de 200 mil doses para o Recife.

O vereador ainda ressaltou que o ingresso do município no consórcio vai facilitar a compra dos imunizantes em grande quantidade pelas cidades. 

 

 


QUASE DUAS MIL TONELADAS DE LIXO FORAM RETIRADAS DO SISTEMA DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO EM 2020

QUASE DUAS MIL TONELADAS DE LIXO FORAM RETIRADAS DO SISTEMA DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO EM 2020

Jogar restos de comida e de óleo de cozinha em pias de residências e lançar fios de cabelo, cotonetes, absorventes, preservativos e fraldas descartáveis em vasos sanitários ou ralos são algumas das atitudes que prejudicam o bom funcionamento das redes de esgoto. O descarte incorreto de resíduos pode acarretar o entupimento e extravasamento das tubulações, e até mesmo o retorno do esgoto para dentro dos imóveis.
 
A Compesa, que comanda o Programa Cidade Saneada em parceria com a BRK Ambiental, alerta que, só em 2020, foram retiradas quase 2 mil toneladas de lixo das tubulações de esgoto na Região Metropolitana do Recife, além de realizada a limpeza de 370 mil metros de tubulações. Apesar de apresentar uma redução de 35% em relação ao ano de 2019, quando foram retiradas mais de 3.000 toneladas de lixo, o número deste ano ainda é muito expressivo e requer o cuidado de toda a população que deve fazer a sua parte. 
 
Neste cenário que ainda preocupa, o diretor de Negócios e Eficiência da Compesa, Flávio Coutinho, reforça a importância da contribuição da população para reduzir esse número e garantir a destinação correta dos resíduos. “É importante sensibilizar todos a respeito do tema e lembrar que as redes de esgoto são projetadas para receber apenas 1% de resíduos sólidos e 99% de líquidos. Quando um resíduo sólido é descartado nos ralos, pias ou vasos sanitários, isso pode resultar em entupimentos, vazamentos e até mesmo provocar o retorno do esgoto ao imóvel, trazendo transtornos para o próprio usuário ou para toda a população”, enfatiza Coutinho.
 
“O problema do lixo nas redes de esgoto é crônico em nossa região e, por isso, nossas equipes de Responsabilidade Socioambiental trabalham fortemente com as comunidades atendidas e nas escolas esse tema tão importante. Só em 2020, foram realizadas mais de 5 mil ações de sensibilização sobre o correto uso das redes de esgoto”, fala a diretora da BRK Ambiental em Pernambuco, Ana Carolina Farias.
 
Outra atitude bastante nociva ao sistema de esgotamento sanitário é a interligação indevida e irregular das redes de drenagem nas tubulações do esgoto. Proibidas por lei, essas ligações irregulares podem causar o entupimento e o extravasamento do esgoto em vias públicas, além de causar impactos danosos ao meio ambiente. As redes de esgoto são projetadas para receber, exclusivamente, o efluente dos banheiros, das pias e da cozinha.
 
Todo o lixo retirado pelas equipes é enviado para um aterro sanitário, local adequado para o descarte que cumpre todas as legislações ambientais vigentes.
 
Medidas para evitar problemas nas redes de esgoto:
 
• O óleo de fritura, depois de utilizado no preparo dos alimentos, deve ser armazenado em garrafas plásticas e entregue em pontos de coleta para que seja destinado corretamente a empresas que o adotam como matéria-prima.
 
• Materiais como fio de dente, preservativos, absorventes e fraldas descartáveis, cotonetes devem ser descartados no lixo comum. Já os restos de comida devem ser descartados no lixo orgânico.
 
• Todo imóvel deve ter uma caixa de inspeção ou Terminal de Inspeção e Limpeza (TIL) acessível na calçada ou próxima a ela, para que seja possível identificar problemas no esgotamento e realizar a manutenção das ligações de esgoto.
 
• Todo imóvel deve manter separada a rede de esgoto das tubulações de água pluvial (água de chuva).
 
• Em casos de entupimentos, extravasamentos ou retornos de esgoto, a população pode comunicar o fato à Compesa por meio dos canais de atendimento, como o telefone gratuito 0800 081 0185 e o site www.compesa.com.br, 24 horas por dia.


Devido ao agravamento da pandemia, HVR atende cirurgias de urgência e emergência

A partir desta segunda-feira (15), Hospital Veterinário realiza apenas procedimentos de urgência e emergência. Castrações e demais atendimentos estão suspensos até o dia 31. Medida visa conter avanço da covid-19

 

 

Devido ao agravamento nos números de casos confirmados e de óbitos pela covid-19 em Pernambuco, e seguindo orientação estaduais de suspender temporariamente cirurgias eletivas em unidades de saúde em todo o estado, a Secretaria Executiva dos Direitos dos Animais (SEDA) suspenderá consultas e procedimentos cirúrgicos eletivos no Hospital Veterinário do Recife Robson José Gomes de Melo (HVR), a partir desta segunda-feira (15). A partir desse dia, a unidade realizará apenas cirurgias de urgência e emergência. A medida vale até o dia 31 deste mês.

 

A partir desta semana, os animais que chegarem ao HVR passarão por uma triagem para verificar a situação dos bichinhos e a necessidade urgente de cirurgias. Se constada a emergência do quadro, os pets se submeterão aos procedimentos necessários.

 

Com a medida excepcional, as castrações eletivas de cães e gatos serão suspensas pelo mesmo período. A SEDA também informa que todas as consultas eletivas previamente agendadas no site da secretaria ou pela central telefônica para os próximos dias serão canceladas. O retorno dos agendamentos será anunciado pela gestão municipal, de acordo com a evolução da situação da pandemia.

 

De acordo com o secretário-executivo da SEDA, Beto Rabello, o objetivo da medida é seguir os protocolos sanitários para conter o avanço da pandemia da covid-19 no Recife. "Estamos observando nos últimos dias os números da pandemia crescerem vertiginosamente em Pernambuco e em todo o Brasil e nossa decisão visa reduzir a quantidade de pessoas circulando no Hospital Veterinário, ajudando a preservar vidas tanto da população quanto de nossos profissionais", afirmou o gestor público.

 

Diariamente, a equipe técnica SEDA vai acompanhar a evolução dos dados epidemiológicos do município, de modo a planejar a retomada completa do serviço.  Com o novo cenário, o horário de atendimento do HVR será das 9h às 17h. O hospital veterinário fica situado à Avenida Professor Estevão F. da Costa, S/N, no bairro do Cordeiro.

 


 Secretaria de Governo e Participação Social do Recife e CUFA distribuem máscaras e álcool em gel no TI de Joana Bezerra

Secretaria de Governo e Participação Social do Recife e CUFA distribuem máscaras e álcool em gel no TI de Joana Bezerra

Iniciativa busca conscientizar população para adotar medidas de prevenção ao coronavírus. Ação, que faz parte da campanha “Bora se Cuidar”, está circulando comunidades de 20 bairros do Recife

 

Como forma alertar para a necessidade de a população adotar medidas de proteção ao novo coronavírus, sobretudo nesse momento de recrudescimento de casos confirmados e de óbitos, a Secretaria de Governo e Participação Social (SEGOV), da Prefeitura do Recife, e a Central Única das Favelas (CUFA) celebraram parceria para distribuir materiais de proteção e de higiene pessoal. Na próxima segunda-feira (15), equipes da SEGOV e da CUFA vão entregar frascos de álcool em gel e máscaras a usuários do Terminal Integrado de Joana Bezerra, localizado no Coque, e comerciantes do entorno do bairro. A ação, que tem início às 6h, ocorrerá durante toda a manhã, com visitas a estabelecimentos comerciais da área.

 

O objetivo dessa parceria é conscientizar as pessoas para os riscos de contágio da covid-19 e reforçar a importância de que cada um se previna, evitando o colapso do sistema de saúde. "Nesse momento em que a pandemia cresce no país, com índices alarmantes, como o de ocupação de leitos de UTI, essa campanha chega para alertar a população para os riscos da doença. Vamos reforçar o que diariamente a gente já vem divulgando, ressaltar a importância de as pessoas ficarem em casa e só sair quando necessário, manter o distanciamento social, evitar aglomerações, usar máscara corretamente e higienizar as mãos”, afirmou o secretário-executivo de Participação Social do Recife, Sérgio Campello.

 

Durante esta semana, equipes da SEGOV visitaram comunidades de 20 bairros do Recife – Santo Amaro, Boa Vista, São José, Bairro do Recife, Alto Santa Terezinha, Bomba do Hemetério, Encruzilhada, Dois Unidos, Casa Amarela, Macaxeira, Vasco da Gama, Nova Descoberta, Iputinga, Madalena, Cordeiro, Várzea, Afogados, IPSEP, Brasília Teimosa, além do Coque –, entregando materiais informativos sobre a covid-19 e afixando cartazes nos principais pontos comerciais, destacando a importância para os cuidados com a doença. Em paralelo, dez carros de som e dez moto-som também circularam pelas localidades, reforçando a campanha de conscientização da população.

 

Neste fim de semana, a ação de conscientização continuará. As equipes estarão nos entornos do Mercado da Encruzilhada; do Mercado do Cordeiro; na feira livre de Afogados; no Marco Zero, no bairro do Recife; na orla de Brasília Teimosa; no terminal de ônibus de Dois Unidos; na Praça da Várzea; entre outros pontos do Recife. Os bairros foram definidos de acordo com índices de contaminação registrados pela Secretaria de Saúde do Recife.

 

BORA SE CUIDAR - A campanha "Bora se Cuidar" vem visitando regularmente diversos equipamentos públicos do Recife, levando mensagens de conscientização da população para se proteger do novo coronavírus. Profissionais da Prefeitura do Recife já estiveram presentes em mercados públicos, parques, praças, além da orla das praias de Boa Viagem e Pina, distribuindo materiais informativos às pessoas. A ação é fruto da parceria entre as Secretarias de Saúde; Turismo e Lazer; Política Urbana e Licenciamento; e Governo. Ainda integram o grupo o Gabinete de Comunicação, Guarda Municipal e Polícia Militar de Pernambuco.

 


Não há evidências que cães e gatos transmitem a covid-19 aos humanos, alerta gestor da SEDA

 

Gerente-geral da Secretaria Executiva dos Direitos dos Animais do Recife afirma que a convivência com os animais é física e emocionalmente benéfica para as pessoas

 

No próximo domingo (14) se comemora o Dia Nacional dos Animais, e nesse momento de pandemia provocado pelo covid-19, o gerente-geral da Secretaria Executiva dos Direitos dos Animais do Recife (SEDA), Magno José, alerta à população que não há estudos que comprovem que os animais domésticos são fonte de transmissão do coronavírus para os seres humanos. Estudos em todo o mundo demonstram que é mais provável que os humanos transmitam a doença aos cães e gatos.

 

“Os animais não são os vilões dessa pandemia, sob pena que as pessoas os abandonem, o que é configurado como crime. Ao contrário, os animais têm sido de grande apoio para a população nesse momento”, afirma Magno José. “Durante esse período da pandemia, os animais têm ajudado as pessoas a passarem por esse momento difícil”, acrescenta o gestor.

 

O gerente da SEDA destaca que a convivência com os pets ameniza o sofrimento do isolamento social, estreitam laços de afeto incondicional e, com isso, eleva a autoestima das pessoas. A relação com os bichos também diminui o estresse, a depressão e o risco de enfarto entre os humanos. "Os animais não julgam ou criticam, simplesmente eles aceitam e amam os humanos do jeito que são", sublinha Magno José.

 

A  autônoma e estudante de Enfermagem Marcelly Beatriz adotou há um mês Madonna, uma gata mestiça com siamês, para fazer companhia ao filho Marcelo, de 4 anos, que adora gatos e estava se sentindo solitário durante a pandemia. “Ela tem um jeito único e especial que nos encantou e nesse pouco tempo já a amamos. Ela nos pede carinho empurrando a cabeça pra cima da gente. Madonna trouxe felicidade para a família e alegra muito Marcelo”, diz Marcelly.  

 

HVR AMPLIA CASTRAÇÕES - O Hospital Veterinário do Recife (HVR), o primeiro do Norte e Nordeste, aumentou o número de castrações mensais desde fevereiro deste ano para 1.200 procedimentos. Em março, esse número foi elevado para 1.600. O esforço é para diminuir o número de cães e gatos abandonados na cidade. Quinzenalmente são disponibilizadas 800 vagas - para o mês de março já ocorreram agendamentos nos dias 1 e 2 para o serviço ao longo da primeira quinzena deste mês. Já nos dias 15 e 16, o HVR oferece à população outras 800 novas vagas.

 

Os agendamentos podem ser feitos por cidadãos residentes no Recife através do sitewww.seda.recife.pe.gov.br ou pelos telefones 3224-30013224-40013224-4002 e 3446-9808. O horário das marcações tanto online quanto por telefone é das 9h às 12h e das 14h às 16h. Para ter acesso ao serviço, é preciso levar originais de comprovantes de residência com CEP do Recife, podendo ser faturas de concessionárias de água e de energia elétrica, de cartão de crédito ou declaração de associação de moradores com o CNPJ e assinatura do presidente da entidade, além de documento de identificação com foto do tutor.

 

Para realizar a castração, os cães e gatos necessitam estar em jejum de 12 horas de comida e três de água. O hospital fica situado à Avenida Professor Estevão F. da Costa, S/N, no Cordeiro, e funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h. Vale ressaltar que todas as dependências do hospital vêm recebendo sanitização diária contra o novo coronavírus.

 

BALANÇO - Por mês, o Hospital Veterinário do Recife realiza mais de 4 mil cirurgias e consultas, entre urgência, emergência e serviços ambulatoriais. Desde sua inauguração, em 2017, o HVR já castrou mais de 22 mil animais, fez 7.900 cirurgias e, somando todos os atendimentos, foram mais de 88 mil procedimentos.


Hospital Veterinário do Recife abre agendamento para 1.600 castrações gratuitas em março

Hospital Veterinário do Recife abre agendamento para 1.600 castrações gratuitas em março

 

Marcações podem ser feitas nos dias 1, 2, 15 e 16 deste mês,
através da central telefônica ou pelo site da SEDA

 

Dando continuidade às ações de castrações gratuitas no município, a Prefeitura do Recife, através da Secretaria Executiva dos Direitos dos Animais (SEDA), abre agendamento para 1.600 procedimentos para cães e gatos para o mês de março, no Hospital Veterinário do Recife Robson José Gomes de Melo (HVR). Serão disponibilizadas 800 vagas nos dias 1 e 2 para agendar o serviço ao longo da primeira quinzena desse mês. Já nos dias 15 e 16, o HVR oferecerá à população outras 800 novas vagas para efetuar os procedimentos até o dia 1º de abril

 

Os agendamentos podem ser feitos por cidadãos residentes no Recife através do sitewww.seda.recife.pe.gov.br ou pelos telefones 3224-30013224-40013224-4002 e 3446-9808. O horário das marcações tanto online quanto por telefone é das 9h às 12h e das 14h às 16h. Para ter acesso ao serviço, é preciso levar originais de comprovantes de residência com CEP do Recife, podendo ser faturas de concessionárias de água e de energia elétrica, de cartão de crédito ou declaração de associação de moradores com o CNPJ e assinatura do presidente da entidade, além de documento de identificação com foto do tutor.

 

Para realizar a castração, os cães e gatos necessitam estar em jejum de 12 horas, tanto de comida, quanto de água. O hospital fica situado à Avenida Professor Estevão F. da Costa, S/N, no Cordeiro, e funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h. Vale ressaltar que todas as dependências do hospital vêm recebendo sanitização diária contra o novo coronavírus.

 

BALANÇO DO HVR - Por mês, o Hospital Veterinário do Recife realiza mais de 4 mil cirurgias e consultas, entre urgência, emergência e ambulatoriais. Além disso, a partir de fevereiro, o HVR ampliou o número de vagas para procedimentos de castração. Desde sua inauguração, em 2017, o HVR já castrou mais de 22 mil animais, fez 7.900 cirurgias e, somando todos os atendimentos, foram mais de 88 mil procedimentos.


 Prefeitura se reúne com vereadores e apresenta detalhes do programa Crédito Popular do Recife

Prefeitura se reúne com vereadores e apresenta detalhes do programa Crédito Popular do Recife

 

Secretário de Desenvolvimento Econômico, Rafael Dubeux, explicou objetivo da iniciativa, que concede crédito de até R$ 3 mil a pequenos empreendedores. Matéria deverá ser votada em plenário na Câmara Municipal no próximo dia 1º

 

 

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do Recife, Rafael Dubeux, fez uma apresentação, nesta quinta-feira (25), do Programa de Crédito Popular do Recife aos vereadores do Recife. Participaram do encontro Samuel Salazar (MDB), Rinaldo Júnior (PSB), Luiz Eustáquio (PSB), Marco Aurélio Filho (PRTB), Renato Antunes (PSC), Liane Cirne (PT), Ivan Moraes (PSOL) e Alcides Cardoso (DEM). Todos foram unânimes em dizer que o projeto é necessário para o município, como forma de auxiliar a retomada da atividade econômica da cidade, bastante afetada pela crise sanitária provocada pela pandemia do covid-19. 

 

De acordo com o secretário Rafael Dubeux, a reunião teve por objetivo apresentar detalhes do projeto de lei e solucionar dúvidas suscitadas pelos vereadores, além de dar mais uma demonstração da preocupação da gestão em manter o diálogo aberto com a Câmara Municipal. Ele também destacou que o Crédito Popular do Recife busca dar apoio aos empreendedores atuais e novos, oferecendo uma linha de crédito facilitada. “Com isso, ajudamos nossa população a gerar emprego e renda, movimentar a economia da cidade, beneficiando, sobretudo, a população mais vulnerável”, declarou. “Tem muita gente que só precisa de oportunidade para mostrar seus talentos”, completou Dubeux, destacando que a expectativa é que o programa inicie as operações de crédito ainda no primeiro trimestre deste ano.

 

Líder do Governo na Câmara Municipal, Samuel Salazar explicou que a reunião foi muito positiva e ressaltou a disponibilidade da Prefeitura em dialogar com os parlamentares. Ele adiantou que o projeto de lei deverá ser votado em plenário na próxima semana. “Fica mantida a votação do projeto para segunda-feira”, afirmou.

 

Durante a reunião, a vereadora Liane Cirne afirmou que o pedido de tramitação em regime de urgência não será impeditivo para que os parlamentares possam contribuir para aperfeiçoar o projeto e dar maior transparência e segurança jurídica à matéria. “O diálogo é importante e não há nenhum problema em reconhecer os méritos do prefeito como um gestor jovem e empreendedor”, argumentou. 

 

O vereador Luiz Eustáquio solicitou que além de mulheres e jovens, os negros também sejam considerados um critério para ter prioridade no acesso ao crédito popular. O vereador Ivan Moraes afirmou que “a gente precisa desse projeto”, devido a situação econômica do País, onde grande parte da população está sem emprego e sem alternativa de renda.

 

O Projeto de Lei que cria Programa Crédito Popular do Recife, um dos compromissos assumidos pelo prefeito João Campos durante a campanha eleitoral, foi enviando para Câmara Municipal, na última segunda-feira (22). O programa prevê beneficiar, anualmente, cerca de 10 mil empreendedores individuais, formais ou informais, microempresas, empresas de pequeno porte e organizações econômicas de caráter coletivo e solidário com concessão de crédito de até R$ 3 mil. Para este ano, serão investidos R$ 16 milhões pela Prefeitura na concessão dos empréstimos. Mulheres e jovens terão prioridade ao empréstimo.

 

Os beneficiários poderão quitar o pagamento do crédito em até 12 parcelas, com uma taxa de juros simbólica de 0,99% ao mês. O diferencial do Crédito Popular do Recife é que, quem pagar em dia todas as 11 primeiras parcelas, a 12ª ficará por conta da Prefeitura. Outro diferencial é que o Crédito Popular não tem restrições a quem esteja negativado em serviços de proteção ao crédito. Após o recebimento do empréstimo, o favorecido terá quatro meses de carência para o iniciar o pagamento das prestações.