Teste de publicidades

Marília fala como candidata e nega possibilidade de subir no palanque socialista

Marília fala como candidata e nega possibilidade de subir no palanque socialista

Pré-candidata disse que tem segurança de que sua candidatura “é pra ganhar” e critica quem ainda alimenta possibilidade de aliança com o PSB

A pré-candidata ao governo de Pernambuco Marília Arraes foi a convidada do Debate das Dez do programa Manhã Total, da Rádio Pajeú. Marília discutiu por uma hora vários temas relacionados à sua pré-candidatura. Dentre eles, o fato de que a resolução do PT que saiu esta semana reafirmando o projeto de candidatura própria.

Ela lamentou que, apesar do encaminhamento, ainda tentem “plantar” a possibilidade de aliança com o PSB, dizendo eu esse jogo parte dos socialistas. “Nossos adversários ficam plantando essa dúvida na cabeça das pessoas todos os dias. Tivemos até 23 de fevereiro como prazo de proposta  de aliança.  Não está na pauta do encontro do dia 12 discutir aliança. Me espanta que continuem colocando isso como indefinido””

Ela disse que a candidatura de Joaquim Barbosa inviabiliza qualquer possibilidade de entendimento via Executiva Nacional. O que poderia acontecer era o PSB nacional chamar Pernambuco e dizer, nós precisamos de vocês nessa trincheira do PSB. Mas será que vai acontecer? O PSB é o partido do candidato Joaquim Barbosa, que encabeçou o processo do Mensalão, começando a perseguição contra o PT. Que colocou em prática a teoria do domínio do fato. Colocariam Joaquim Barbosa para apoiar o PT? Será?. Não há possibilidade de intervenção do PT nacional em Pernambuco”.

Marília voltou a criticar a gestão Câmara. “A má gestão decorre da falta de liderança do governador, pois todo seu grupo político acha que poderia estar no lugar dele. Ele não está lá por militância reconhecida, por seu espaço. Isso gera uma crise de gestão quando você tem um líder que não é respeitado. Ele não se deu conta de que tomou posse”. Ela criticou as políticas de segurança, hídrica, dentre outras. “Houve desmente do Pacto Pela Vida e Políticas Sociais que faziam a prevenção”, criticou.

Governabilidade: Marília avaliou a possibilidade de que seja eleita sem ter maioria na ALEPE, uma possibilidade. “Faz dez anos que sou parlamentar e isso nos dá experiência de mandato e de vida, e de articulação. Respeito quem pensa diferente. O que importa é o diálogo dentro dos limites republicanos. Vamos dialogar de poder executivo para o poder legislativo e eles vão votar o melhor para Pernambuco”.

Marília descartou apoio a Armando ou Câmara em um eventual segundo turno. “Não iria estar a mais de um ano andando o Estado se não tivesse certeza de que estaremos no segundo turno. A gente sente quando a eleição é pra ganhar e quando é pra perder. Essa é pra ganhar. Quem deixar de ir ao segundo turno é que vai ter que decidir quem apoiar”. Ela garantiu que não há possibilidade de subir no palanque no PSB. “Posso garantir isso ao povo de Pernambuco. Nesse palanque eu não subo”.

Participação de Lula na campanha: perguntada como fará para atrelar a imagem de Lula à sua pré-campanha estando preso, Marília afirmou que o palanque petista em Pernambuco é o único que vai defender o ex-presidente. “Não vai restar dúvidas e será consequência as pessoas nos identificarem como a candidatura de Lula”.

Luciano Duque x Kaio: Marília voltou a dizer que o prefeito de Serra Talhada Luciano Duque será determinante em sua candidatura e possível governo, mas destacou subliminarmente que ele não deverá ocupar função no governo.

“Duque vai ter papel essencial porque tem experiência de gestão, mas é cedo, até porque Duque tem responsabilidade com Serra Talhada”.

Ela não quis opinar sobre a possibilidade de apoio de Duque a Kaio Maniçoba, criticada por Bruno Ribeiro, em virtude da defesa do impeachment pelo parlamentar do Solidariedade. “Nunca tive essa conversa com Luciano. Para mim é complicado opinar nesse sentido. Não interfiro na decisão das pessoas que fazem parte do nosso grupo”, resumiu-se a dizer.

O debate teve participação de Júnior Finfa, Mário Viana Filho, Juliana Lima, Marcelo Patriota, além de ouvintes da Rádio Pajeú. 

por Blog do 


Barragem Cachoeira II se recupera e melhora abastecimento de Serra Talhada

Barragem Cachoeira II se recupera e melhora abastecimento de Serra Talhada

O município de Serra Talhada, distante 415 quilômetros do Recife, foi beneficiado com as recentes chuvas registradas no Sertão do Pajeú. A Barragem de Cachoeira II, que contribui com o abastecimento da cidade, conseguiu se recuperar e está hoje com 76,63 % da sua capacidade total, que é de 21 milhões de metros cúbicos de água. De acordo com o gerente de Unidade de Negócios da Compesa, Luciano Freitas, com esse volume, um total de 16 milhões e 116 mil metros cúbicos, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) já teve condições de melhorar o fornecimento de água da cidade, reduzindo um pouco o calendário de abastecimento. Já estão sendo desenvolvidas ações de ajustes operacionais para que a rede de distribuição possa receber o aumento da produção de água. “A nossa expectativa é que, até o final de abril, a gente consiga  reduzir ainda mais o rodízio em  Serra Talhada”, informa o gerente.

 

Mesmo que Cachoeira II não consiga verter – embora seja bastante provável, caso persistam as chuvas - o volume já acumulado no reservatório garante o abastecimento da cidade por dois anos, somado ao reforço da Adutora do Pajeú. O gerente Luciano Freitas lembra que, em função dos sete anos consecutivos de seca, desde o ano de 2015, a Barragem de Cachoeira II apresentava nível baixo de armazenamento, 25% da sua capacidade. Nesse período foram feitos ajustes operacionais para que a água disponível pudesse atender à população por um prazo maior.  No entanto, em 2016, com a incidência de poucas chuvas, o nível da barragem caiu ainda mais, oscilando entre 17 % a 20%, até que no final de 2017 o nível baixou até 4%, quando a Compesa deixou de explorar a barragem e passou a atender a cidade apenas pela Adutora do Pajeú.


MANIFESTO NACIONAL DAS MULHERES PETISTAS EM DEFESA DA CANDIDATURA DE MAR√ćLIA ARRAES AO GOVERNO DE PERNAMBUCO

MANIFESTO NACIONAL DAS MULHERES PETISTAS EM DEFESA DA CANDIDATURA DE MAR√ćLIA ARRAES AO GOVERNO DE PERNAMBUCO


Nós, mulheres petistas de Pernambuco e do Brasil, acompanhamos com entusiasmo a trajetória da companheira Marília Arraes para firmar sua candidatura ao governo do estado de Pernambuco.

Marília rompeu com a sigla fundada por seu avô, Miguel Arraes, em um momento que o PSB não soube honrar sua trajetória política, posicionando-se a favor do golpe misógino contra a presidenta legítima Dilma Rousseff e a favor das reformas do governo golpista de Michel Temer. 

Naquele momento, Marília disse que seu avô saberia qual era o lado certo da história e filiou-se ao Partido dos Trabalhadores e das Trabalhadoras, sendo recebida pela nossa liderança maior, Lula, a quem tem defendido bravamente, contra o golpe judicial-midiático que tenta burlar as regras democráticas e a escolha popular pelo terceiro mandato do maior líder de esquerda do mundo contemporâneo.

Em um cenário estadual de indefinições, Marília mostrou-se reta e perseverante. E sua figura jovem, idealista e firme inspirou na militância petista não apenas simpatia, mas identificação: a base do PT pernambucano reconheceu na proposta de Marília à disputa do governo de Pernambuco o afinco e as convicções que são também as características da nossa militância.

Sobretudo, Marília conquistou os corações e as mentes das mulheres: mulheres sertanejas, mulheres agrestinas, mulheres da capital. Mulheres trabalhadoras que sentem no dia-a-dia o impacto das reformas golpistas sobre seus direitos. Mulheres que lutam contra a naturalização do feminicídio e da cultura do estupro. 

As dificuldades que Marília tem enfrentado de cabeça erguida são as dificuldades que reconhecemos em nosso cotidiano, em especial para quem milita na política, ainda tão marcadamente masculina.

Acreditamos que a revolução será feminista. E que a renovação do PT será pelas mãos das mulheres do nosso partido.

Sabemos que muito falta para alcançarmos o alinhamento necessário entre nosso discurso de paridade de gênero e as práticas de real inclusão das mulheres. E sabemos ainda mais que esse alinhamento só será alcançado pela nossa luta e determinação.

Sabemos que os homens habituados ao poder e aos espaços de fala não os cederão de bom grado, sem resistência.

Mas resistência é o nome da trajetória de vida de cada uma de nós: Marias, Luízas, Alessandras, Micheles, Vilmas, Danielas, Paulas, Anas. Marílias.

E é por tudo isso que nós, abaixo assinadas, endossamos o nome de Marília Arraes para ser o nome do PT ao governo do estado de Pernambuco.

Recife, abril de 2018.

Anne Karolyne Lula- Secretária Nacional de Mulheres do PT
Carmen Foro- Vice-Presidenta Nacional da CUT
Carol Proner- Jurista
Conceição Oliveira- Jornalista/Blog da Maria Frô
Dyanne Barros - Diretora de Assistência Estudantil UNE
Eleonora Menicucci - Ex-Ministra de Políticas para as Mulheres de Dilma Rousseff
Fátima Bezerra- Senadora PT-RN
Gabriela Maria -  ParaTodas Pernambuco
Gisele Cittadino - Jurista
Kerollen Thalita - Diretório Acadêmico Ranúsia Alves/UFPE
Janeslei Albuquerque - Secretária Nacional de Mobilização e Movimentos Sociais da CUT
Juliana Borges - Feminista negra. Escritora. Colunista do Justificando.
Liana Cirne - Jurista. Colunista da Mídia Ninja. Professora da UFPE.
Magda Barros Biavaschi- Jurista
Marcia Tiburi- Filósofa e Escritora 
Maria Do Rosário - Deputada Federal e Ex-Ministra de Direitos Humanos
Madalena Margarida da Silva Teixeira - Secretária Nacional de Saúde do Trabalhador da CUT
Marina Moura - Diretora UEP Cândido Pinto
Paula Goiana - Diretório Estadual PT/PE
Raísa Rabelo de Vasconcelos - Diretório Municipal do PT/Recife
Rayssa Cavalcante - ParaTodas Pernambuco
Rivânia Rodrigues - Secretária Estadual LGBT do PT/PE
Sandra Magalhães - Prefeita de Calumbi/PE
Scarlett Gusmão - Diretora UEP Cândido Pinto
Sheila Lula Da Silva Oliveira - Secretária Estadual de Comunicação do PT/PE e Membra do Diretório Nacional do PT
Suely Oliveira- Secretária de Mulheres do PT de Pernambuco
Teresa Leitão - Deputada Estadual (PT) Pernambuco
Vera Regina Paula Baroni - Ativista negra e de direitos humanos


Deputada Teresa Leit√£o (PT): Cartas para Lula

Deputada Teresa Leit√£o (PT): Cartas para Lula

O presidente Lula √© conhecido por dialogar Diretamente com a popula√ß√£o, ouvindo e aplicando as sugest√Ķes do povo em seus governos. Agora, √© nossa vez de demonstrar nosso carinho e reconhecimento ao melhor presidente que o Brasil j√° teve. O presidente tem recebido e lido cada uma das milhares de cartas enviadas pela popula√ß√£o. Escreva voc√™ tamb√©m! O PT solicita que enviemos as cartas para os seguintes endere√ßos: Sede do PT em Curitiba Alameda Princesa Izabel, 160 - S√£o Francisco, Curitiba - PR, 80510-200 Instituto Lula Rua Pouso Alegre, 21 - Ipiranga S√£o Paulo - SP, 04261-030 #EuSouLula #LulaLivre #TeresaLeit√£o

Construção do Habitacional Casarão do Barbalho sobre adutora  é uma ameaça e coloca em risco a vida dos futuros moradores.

Construção do Habitacional Casarão do Barbalho sobre adutora é uma ameaça e coloca em risco a vida dos futuros moradores.

A prefeitura do Recife esta construindo na Estrada do Barbalho esquina com Rua São Matheus, no bairro da Iputinga o Habitacional Casarão do Barbalho, ate ai tudo bem só que descobrimos que a Prefeitura cometeu um perigoso erro de engenharia, construiu alguns blocos do habitacional sobre uma adutora da Compesa uma de tubulações de grande diâmetro (700 mm e 900 mm) que um estouramento nessa adutora pode levar os prédios ao chão em alguns segundos, a prefeitura esta com esse fato em segredo e vai entregar as unidades habitacional sem os moradores saberem do risco que correm, risco esse que os moradores da comunidade do Airton Senna e Ponte da Salvação já correm pois seus barracos estão sobre essa mesma adutora e a prefeitura do Recife faz que não sabe, se faz necessário uma ação do ministério Publico de Pernambuco, afim de evitar uma tragedia anunciada. 


PT e frentes lançam campanha de arrecadação para Lula Livre #ALutaPrecisaDeVC

PT e frentes lançam campanha de arrecadação para Lula Livre #ALutaPrecisaDeVC

Agora é a hora dos brasileiros estarem ao lado de quem sempre lutou pelo país. Lula é inocente e a luta por sua libertação precisa do seu apoio. 

 

A Direção Nacional do PT, por meio da Secretaria Nacional de Finanças está lançando uma campanha unificada de arrecadação em parceria com as Frentes Nacionais, os movimentos sociais, artistas, intelectuais e mandatos parlamentares. A ideia é centralizar as doações para a manutenção dos acampamentos Lula Livre em Curitiba e dasmobilizações em torno da defesa do ex-presidenteLula em Brasília.

Qualquer pessoa pode fazer sua contribuição por meio de cartão de crédito e boletos. Todos que lutam por democracia, por uma Justiça imparcial e que defendem a liberdade do ex-presidente Lula podem contribuir para a manutenção da Vigília Democrática “Lula Livre”.

“Todos os homens e mulheres que estão acampados em frente ao prédio da Polícia Federal em Curitiba em vigília democrática nos representam na luta contra a primeira prisão política desde a redemocratização do Brasil. Agora é a hora de unir forças por Lula e por sua liberdade”, convocou o secretário Nacional de Finanças e Planejamento do PT, Emidio de Souza.

Da Redação da Agência PT de Notícias


Clima fica tenso entre PT e PSB de Pernambuco após a  agressão do deputado Gonzaga Patriota (PSB) contra o Vereador Gilmar Santos (PT-Petrolina)

Clima fica tenso entre PT e PSB de Pernambuco após a agressão do deputado Gonzaga Patriota (PSB) contra o Vereador Gilmar Santos (PT-Petrolina)

Consternados e indignados com a agressão cometida pelo deputado federal Gonzaga Patriota (PSB) contra o Vereador Gilmar Santos (PT-Petrolina) na tarde do último domingo (07), vereadores do Partido dos Trabalhadores – PT, do cais ao sertão assinaram uma nota de repúdio contra o parlamentar petrolinense.

 

Além da nota, os parlamentares petistas, relatam que, no “Boletim de Ocorrência prestado pelo Vereador, o fato se desenvolveu quando Santos, ao chegar à audiência pública que tratava da reforma da PE-630, no distrito de Rajada, interior de Petrolina, recusou-se a cumprimentar o Deputado, afirmando que aquele se tratava de golpista. Não aceitando a negativa do cumprimento, o Deputado desferiu um soco no rosto do Vereador, atingindo sua boca, conforme atestado por testemunhas e comprovado por laudo pericial”.

 

Ainda segundo os vereadores, “não podemos admitir que tal atitude seja vista por nós vereadores e vereadoras como aceitável. A conduta do Deputado Gonzaga Patriota é absolutamente condenável e expressa tudo aquilo que combatemos na política, que é a incapacidade para o debate e por responder na democracia com argumentos”.

 

Os parlamentares indignados com a atitude de Gonzaga finaliza o desprezo ao deputado externando solidariedade ao Vereador Gilmar Santos, e afirmando que, na “construção de seu mandato coletivo, tem mantido firme suas posições e defendido com garra suas ideias, condição que julgamos fundamental para o cumprimento efetivo de um mandato parlamentar”.

Assinam a nota:

Sinézio Rodrigues – Vereador PT/Serra Talhada
Marília Arraes – Vereadora PT/Recife
Daniel Finizola – Vereador PT/Caruaru
Ezequiel Santos – Vereador PT/Cabo de Santo Agostinho
Davi Moreira de Alencar – Vereador PT/ Exu
Ernesto Maia – Vereador PT/ Santa Cruz do Capibaribe
André Cacau – Vereador PT/ Salgueiro
Pipí Marchante – Vereador PT/ Riacho das Almas
Welder Ferreira – Vereador PT/ Riacho das Almas
Cidicley Silva de Melo – Vereador PT/ Moreno
Bruno Galvão – Vereador PT/ Belo Jardim
Oliveira – Vereador PT/Angelim
Jairo Britto – Vereador PT/Recife
Orestes Neves – Vereador PT/Sertânia
Ivete do Sindicato – Vereadora PT/Surubim
Adeilton Carneiro Patriota – Vereador PT/Flores
Manoel Enfermeiro – Vereador PT/Serra Talhada
Cristina Costa – Vereadora PT/Petrolina
Del do Bode – Vereador PT/Goiana
Kildares Nunes – Vereador PT/ Itacuruba
Rona Leite – Vereador PT/São José do Egito
Laelson Cordeiro Vanderlei – Vereador PT/Brejo da Madre Deus
Aristóteles Monteiro – Vereador PT/Tabira
Luiz Bernardino – Vereador PT/Orocó
Almir Raimundo (Mika) – Vereador PT/Cedro
Diomedes Tôrres – Vereador PT/Santa Cruz do Capibaribe


Compesa Atualiza as informa√ß√Ķes sobre a parada da Esta√ß√£o Elevat√≥ria dos Morros

Compesa Atualiza as informa√ß√Ķes sobre a parada da Esta√ß√£o Elevat√≥ria dos Morros

Os técnicos da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) estão trabalhando na instalação de uma bomba reserva na Estação Elevatória (bombeamento) dos Morros para possibilitar, ainda hoje (9), o retorno parcial da operação dessa unidade que integra o Sistema Alto do Céu. A previsão é iniciar os testes com a bomba reserva até o final da tarde. A companhia estima que o abastecimento seja retomado nas áreas mais baixas dos Morros da Zona Norte do Recife, que tiveram o fornecimento de água suspenso, no último sábado (7). As localidades que estão com falta de água em função da parada são: Água Fria, Alto José Bonifácio, Alto Santa Terezinha, Ponto de Parada, Porto da Madeira, Alto do Pascoal, Ladeira de Pedra, Alto Antônio Meira, Alto do Deodato e Alto do Brasil, que juntas somam 92 mil pessoas.

 

A paralisação da Estação Elevatória dos Morros foi provocada, primeiro, por uma falta de energia, e depois, pela inundação dos equipamentos da unidade de bombeamento, em função das fortes chuvas registradas no Recife na sexta-feira e no sábado. Até amanhã (10), será concluído o conserto das bombas danificadas, para que sejam recolocadas na unidade. Dessa forma, a regularização do abastecimento de água nas localidades atendidas pela Estação Elevatória dos Morros, na sua totalidade, ocorrerá no final da tarde desta terça-feira, seguindo o calendário de cada área.


Obra permite ampliar em 70 % a oferta de água para três bairros na cidade do Paulista

Obra permite ampliar em 70 % a oferta de água para três bairros na cidade do Paulista

 Para realizar as intervenções haverá paralisação parcial  do Sistema Botafogo por 36 horas

 

 

Para concluir uma obra que possibilitará o aumento de 70% da oferta de água para melhorar o abastecimento das áreas de expansão dos bairros de Nossa Senhora da Conceição, Nossa Senhora do Ó e Pau Amarelo, no município do Paulista, na Região Metropolitana do Recife, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) precisará paralisar parcialmente o Sistema Botafogo por 36 horas. Por este motivo, haverá falta de água no período que inicia às 20h desta quinta-feira (5) até às 8h do sábado (7), nas localidades de Maranguape I e II, Arthur Lundgren I e II, Jaguarana, Pau Amarelo, Engenho Maranguape e Riacho da Prata. A suspensão do fornecimento de água é necessária para que a Compesa possa realizar os serviços de interligação nas redes de abastecimento, que ocorrerão na Avenida Antônio Cabral de Souza (PE -22), nas proximidades do KM 4,5, no bairro de Jaguarana.

 

 

Após a implantação da nova adutora e da obra de interligação das redes distribuidoras, haverá ainda um período de 60 dias no qual serão realizados os testes e ações complementares na rede, visando à regularização do abastecimento em Nossa Senhora da Conceição, Nossa Senhora do Ó e Pau Amarelo. Esse conjunto de ações permitirá uma melhoria na oferta de água para cerca de 20 mil pessoas e, inclusive, poderá reduzir o regime de rodízio nesses bairros, melhorando o abastecimento nessas localidades como um todo.

 

 

Em função do crescimento populacional, esses três bairros apresentavam dificuldade de abastecimento. Preocupada em resolver a questão, a Compesa projetou e executou uma obra em ritmo acelerado, no prazo de 90 dias, para a construção de uma nova adutora com quatro quilômetros de extensão, em tubos com diâmetro de 200 milímetros, que levará água do Sistema Botafogo diretamente para esses três bairros. Foram investidos R$ 900 mil na obra. “Essa nova adutora, além de aumentar a oferta de água nos bairros contemplados, irá se constituir em um sistema alternativo de abastecimento, visto que, até então, só contávamos com poços”, explica o gerente de Unidade de Negócios da Compesa, Marcelo Guimarães.

 

 

Os serviços de interligação serão realizados por uma equipe de mais de 20 profissionais, entre técnicos e engenheiros. Serão afetadas cerca de 100 mil pessoas com a paralisação parcial do Sistema Botafogo. A retomada do abastecimento de água, após o término da paralisação, ocorrerá de forma gradativa e seguirá o calendário vigente de cada localidade afetada. Informações: 0800 081 0195.


NOTA OFICIAL DO PT- PARTIDO DOS TRABALHADORES #OcupeRedeGlobo

NOTA OFICIAL DO PT- PARTIDO DOS TRABALHADORES #OcupeRedeGlobo


NOTA: Rede Globo incita golpe militar
 
É escandalosa a pressão da Rede Globo para que o Supremo Tribunal Federal negue ao ex-presidente Lula o direito constitucional de se defender em liberdade da condenação ilegal e injusta, sem crime nem provas, imposta por Sérgio Moro e agravada em decisão previamente combinada da 8a. Turma do TRF-4.
 
Chegaram ontem (3/4) ao cúmulo de encerrar o Jornal Nacional associando uma declaração do comandante do Exército, general Villas Boas, ao julgamento marcado para hoje do habeas corpus em defesa de Lula no STF.
 
Não é natural da democracia que chefes militares se pronunciem sobre questões políticas ou jurídicas, como vem ocorrendo nos últimos dias. Mais estranho ainda é que uma manifestação do comandante do Exército, general Villa Boas, em rede social, seja divulgada e manipulada no decorrer de uma edição do Jornal Nacional especialmente dedicada (23 minutos) a pressionar os ministros do STF.
 
Nos governos do PT, prestigiamos as Forças Armadas como nenhum outro desde a redemocratização do País. Em nossos governos, não faltou fardamento nem rancho para os recrutas. Investimos na defesa das fronteiras terrestres, das águas territoriais e do espaço aéreo, devolvendo a dignidade aos militares.
 
E assim como defendeu o general Villas Boas nas redes sociais, nós do PT sempre combatemos a impunidade e respeitamos a Constituição, inclusive no que tange ao papel das Forças Armadas definido na Constituição democrática de 1988.
 
A defesa da Constituição implica em reconhecer a presunção da inocência, conforme definida no parágrafo 57 do artigo 5o. É o que esperamos que seja ratificado hoje pelo plenário do STF.
 
A Globo quer repetir o que fez em 1964, quando incitou chefes militares contra o governo constitucional de Jango Goulart. E o faz agora para pressionar o Supremo. A Globo tem sido historicamente um veneno a democracia.
 
Colunistas amestrados da imprensa, porta-vozes do fascismo e até oficiais da reserva vêm brandindo a ameaça de um novo golpe militar contra o reconhecimento dos direitos de Lula. São as vozes do fascismo e da intolerância.
 
A saída para a crise política, econômica e social está na realização de eleições livres e democráticas, com a participação de todas as forças políticas e sem vetos autoritários a Lula. E no respeito ao pacto político consagrado na Constituição de 1988. É este pacto, democrático, que o STF tem o dever de proteger.

Senadora Gleisi Hoffmann
Presidenta do Partido dos Trabalhadores

Senador Lindbergh Farias 
Líder do PT no Senado Federal

Deputado Paulo Pimenta
Líder do PT na Câmara dos Deputados


O Fórum Municipal Popular de Educação do Recife Realiza a 1ª CMPER- Conferência Municipal Popular de Educação do Recife

O Fórum Municipal Popular de Educação do Recife Realiza a 1ª CMPER- Conferência Municipal Popular de Educação do Recife

O Fórum Municipal Popular de Educação do Recife – FMPER - é um coletivo de ação política, independente do Governo Municipal, composto por representantes dos trabalhadores da Educação pública e privada e da sociedade civil, com o objetivo de acompanhar, monitorar e fiscalizar as Políticas Públicas Educacionais do Recife, bem como promover debates, estudos e apresentar proposições para melhoria da qualidade da Educação Básica.

O resultado da Conferência será encaminhado à Conferência Estadual, à Secretaria de Educação, e à Comissão de Educação da Câmara de Vereadores do Recife, sendo um instrumento de luta por mudanças na Educação em especial do Recife.

Objetivos da Conferência: a 1ª CMPER- Conferência Municipal Popular de Educação do Recife tem por objetivo aprovar ou rejeitar o documento referencial de análise do PNE - Plano Nacional de Educação e iniciar uma revisão do PME-Plano Municipal de Educação.

PROGRAMAÇÃO

Abertura: 03 de Abril - Bloco G- UNICAP- Universidade Católica de Pernambuco, às 18h00.

Plenárias dos Eixos: 04 de Abril, das 8h30h às 12h00.

Plenária final: 04 de Abril, das 13h40 às 18h30- Plenária Final- auditório do Bloco G da UNICAP

Quem pode participar? Convidados e delegados eleitos por entidades representantes dos trabalhadores da educação pública, particular, comunitárias e Universidades; Estudantes; representantes das famílias; entidades estudantis; entidades em defesa dos direitos humanos; entidades comunitárias, entre outras.

Quem elege os(as) delegados(das)? Os delegados serão eleitos pelas entidades, ou pelo Fórum, quando tiver interesse do segmento e no caso de negativa da Instituição em realizar o processo de escolha dos(as) delegados.

Qual a metodologia para escolha dos(das) delegados(das)? Assembléias ou reuniões da entidade para escolha dos(as) delegados(das).

* No ato do preenchimento da ficha do(a) delegado(a) eleita deve escolher um dos seguintes Eixos em discussão na Conferência: Eixo IV, Eixo V e Eixo VII . O resultado deve ser enviado para o seguinte e-mail: fomudeedu@gmail.com ou pessoalmente, ao Comitê Gestor e deve constar de: Fichas preenchidas dos(as) delegados(as) eleitos(as).

Calendário para escolha dos(as) delegados(das) : 15 a 27 de março . 

O que cada eixo vai abordar?
Cada Plenária temática vai discutir um Eixo e a revisão das Metas do PME-Plano Municipal de Educação do Recife, que estão em consonância.
Eixo IV: Qualidade da educação, democratização, acesso (vagas), permanência.
Eixo V: Diversidade étnico-racial, gênero, Direitos Humanos, Justiça social e cultura.
EIXO VII: A plenária irá discutir: valorização dos profissionais de Educação. 

Obra de esgoto em Cadeias chega as principais ruas do bairro

Obra de esgoto em Cadeias chega as principais ruas do bairro

      Mais de 14 mil metros de  tubulações foram assentadas em 38 ruas

 

Mais de 14 mil metros de rede coletora de esgoto já foram assentadas por meio da obra de implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário no município de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. As tubulações foram implantadas em 38 ruas do bairro de Candeias. Agora, as frentes de trabalho, para escavações e assentamento de rede coletora, encontram-se nas vias principais de Candeias: Avenidas Abdo Gabus, Bernardo Vieira de Melo e Presidente Castelo Branco. A primeira fase da obra, que está em andamento e já  foi executada 21% -  abrangendo parte dos bairros de Candeias, Piedade e Barra de Jangada.

 

O empreendimento está sendo realizado pelo Programa Cidade Saneada, a Parceria Público-Privada entre a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e a BRK Ambiental. Essa fase da obra recebe o investimento de R$ 85 milhões e a previsão é que seja concluída em julho de 2019. “O ritmo das obras está de acordo com o nosso planejamento. Essa primeira fase vai atender os três bairros com a implantação total de 61 mil metros de rede coletora, uma estação de tratamento e cinco estações de bombeamento de esgoto, beneficiando mais de 55 mil pessoas”, informa o diretor de Novos Negócios da Compesa, Ricardo Barretto.

 

A obra para construção do Sistema de Esgotamento Sanitário de Jaboatão dos Guararapes iniciou em maio do ano passado e vem sendo realizada por etapas, ou seja, as intervenções acontecem em um bairro por vez. “Neste primeiro momento, a obra foi dividida em duas etapas. A intenção é que o avanço das intervenções aconteça de forma gradual atendendo a um planejamento que visa, entre outras coisas, minimizar os transtornos à população local, sempre atentos às questões socioambientais”, explica Christian Fonseca, diretor de engenharia e obras da BRK Ambiental.

 

O Programa Cidade Saneada é responsável pela operação, manutenção, ampliação e implantação de sistemas de esgotamento sanitário nos 15 municípios da Região Metropolitana do Recife.