Militância Petista Irá Consolidar de Vez Nome de Marília Durante Ato no Recife

Militância Petista Irá Consolidar de Vez Nome de Marília Durante Ato no Recife

Enquanto Paulo Câmara (PSB), com o apoio do senador Humberto Costa (PT), tenta tirar Marília Arraes (PT) da disputa pelo Governo de Pernambuco, a vereadora consegue cada vez mais apoios importantes ao seu projeto político.

Esta semana foi a Brasília e conquistou a simpatia de importantes deputados federais do partido. O ex-prefeito Fernando Haddad, homem de confiança do ex-presidente Lula, também endossou a pré-candidatura da neta de Arraes, ao fazer-lhe elogios e considerá-la um fenômeno político.

Aqui no Estado, a petista tem o apoio das bases do partido na capital e interior. Também estão com ela a juventude do PT e lideranças do porte de Tereza Leitão e Fernando Ferro.

Este último, natural de Bom Conselho e com fortes ligações com Garanhuns fez críticas a Humberto Costa por querer se aliar ao PSB, partido que ajudou os golpistas a derrubar Dilma e colocar Temer no poder.

Para Fernando Ferro, basta a frase do prefeito Geraldo Júlio (que ficou guardada na memória de muitos) dizendo “temos que tirar essa mulher”, em referência ao impeachment de Dilma, para inviabilizar uma aliança entre petistas e socialistas.

No Recife, no domingo, dia 20 deste mês será realizada uma plenária pela candidatura de Marília.

Já está se fazendo uma grande divulgação (e mobilização) do ato político, que pode alavancar de vez o nome da neta de Miguel Arraes.

Os que criticam Humberto Costa e seu grupo, por querer se aliar a Paulo Câmara, só veem uma explicação para seu posicionamento político à direita: quer tentar se reeleger senador ou se eleger deputado federal com o respaldo da máquina estadual e está com ciúmes e inveja da ascensão de Marília Arraes, que passou a ser o grande nome do Partido dos Trabalhadores em Pernambuco e já é conhecida e respeitada inclusive nacionalmente.

Na última pesquisa eleitoral divulgada no Estado, realizada pelo Instituto Múltipla, Marília ficou empatada com Paulo Câmara e um pouco à frente de Armando Monteiro.

Na pesquisa, quando o nome da neta de Arraes é vinculado ao ex-presidente Lula ela chega a quase 50% das intenções de voto.

Simpatizantes da vereadora e até partidários de Paulo e Armando estão convencidos de que se ela for candidata a eleição irá para segundo turno, com grandes chances do PT eleger o governador (a) de Pernambuco.

O ato no Recife no dia 20 será prestigiado por diversos vereadores e lideranças do Agreste Meridional, de cidades como Garanhuns, Caetés, Capoeiras, Brejão, Saloá, Bom Conselho, Águas Belas, Angelim e Paranatama.

Caravanas estão sendo organizadas para levar a militância. 

 

Por Blog do Itamar França